Archive for category Primeiros Frutos

18-2-2017 – O Sangue de Jesus Ungiu a Arca da Aliança

Mensagem de Sábado

Introdução para o vídeo

caixa-de-pedra

Vídeo Episódio 11: A Festas da Primavera – A Arca da Aliança – O Mais Sagrado Foi Ungido foi colocado no site. O que os filmes mostram quando Jesus foi cortado do Seu lado e seu sangue caiu no chão, pergunte a você, ‘Isso é mesmo possível?’. Então o Filho de Deus, o único Cordeiro que Deus tem nos dado para o sacrifício de nossos pecados, como pode o sangue dele cair no chão onde todos passam e pisam Nele. Isso é impossível. Deus Pai jamais admitiria isso! 

Não! O sangue Dele passou por dentro das pedras nas quais foram abertas por causa do terremoto. Há 9 metros para baixo estava a Arca da Aliança que tinha sido colocada lá a mais de 500 anos por Jeremias. Tudo perfeitamente sincronizado que somente Deus consegue fazer.

Sim, o nosso Senhor morreu por nós e Seu sangue ungiu a Arca da Aliança no lado Oeste. Lembre que o Sumo Sacerdote jogava sangue de animal no lado Leste. Mas, o sangue de Cristo caiu do lado Oeste.

Que maravilha ver o nosso Messias preenchendo todos os detalhes das Festas Santas. Damos glória a Deus Pai porque Ele está nos revelando os Seus mistérios nesses finais dos tempos.

Vídeo

sangue-de-yeshua-ungindo-a-arca

Sugestão para Leitura

Cristo não morreu na Sexta-Feira (texto)

A Ressurreição Não Aconteceu no Domingo (texto)

A Arca da Aliança (vídeo com Ron Wyatt) (vídeo)

A Arca da Aliança e o Sangue de Cristo (texto)

Leave a comment

11-2-2017 – Messias Não Somente Morreu mas Preencheu Todos os Detalhes da Páscoa e Pães Asmos

Mensagem de Sábado

Introdução para o vídeo

passovercordeiro

Yeshua, Jesus, não somente veio aqui e morreu pelos nossos pecados. Ele estava preocupado em preencher a cada detalhe que acontece antes da Páscoa, na Páscoa, e depois e durante na Festa de Pães Asmos. Cada detalhe da semana da Páscoa que foi criada pelo rei Davi, foi cumprida. Então na medida que as coisas iam acontecendo no Templo e com o Sumo Sacerdote, Jesus estava preenchendo, do mesmo jeito, do outro lado. Nada ficou sem ser preenchido. Todas as palavras praticadas e todas as ações feitas pelo povo ensaiando, o que eles vem ensaiando por milhares de anos antes de Jesus, foram cumpridas por Ele. Nada faltou. Nem uma vírgula e nem um til. Tudo foi preenchido.

Vídeo

passoverritual

Sugestão para leitura (nesse site):

PÁSCOA:

Materiais para estudo: Está é a Páscoa do Senhor, Êxodo 12:48

Extra: Páscoa

FESTAS DOS PÃES ASMOS:

Materiais para estudo: Guardai pois a Festa dos Pães Asmos, Êxodo 12:17

Extra: Pães Asmos

Extra: Oferta de Movimento

Extra: O Casamento do Cordeiro com a Igreja

Leave a comment

Reino de Deus, parte 2

Para baixar as lições em PDF, clique aqui

O propósito da criação do homem é diferente dos anjos

No início, Cristo criou os anjos. É bem possível que a intenção de Deus Pai e Jesus Cristo eram aumentar a Sua família. A bíblia não diz quantos anjos foram criados. Pode ser um número muito grande.

Os anjos foram criados adultos. Eles não foram criados como crianças e cresceram com o tempo. Eles são seres espirituais e não precisam crescer. Eles então não foram testados no amor e obediência de seu criador. Na medida do tempo, muitos se rebelaram contra o seu próprio criador ao comando de Lúcifer que se tornou Satanás. Os anjos rebeldes se tornaram demônios.

É bem possível que Deus Pai e Jesus Cristo viram que precisavam criar seres que seriam testados em obediência e amor para que este tipo de rebeldia não aconteça mais em Sua família. Eles decidiram criar o homem.

O homem nasce e cresce e passa por várias tribulações nesta terra. Essas tribulações os ajudam a confiarem, amarem e obedecerem a Deus. Neste processo de aprendizagem, vários tipos de tribulações acontecem, “Tenho-vos dito isto, para que em mim tenhais paz; no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo, eu venci o mundo”, João 16:33. Muitos tipos de testes são dados para a pessoa, “De maneira que nós mesmos nos gloriamos de vós nas igrejas de Deus por causa da vossa paciência e fé, e em todas as vossas perseguições e aflições que suportais; Prova clara do justo juízo de Deus, para que sejais havidos por dignos do reino de Deus, pelo qual também padeceis”, 2 Tessalonicenses 1:4-5.

Estamos aqui então nessa terra, nessa jornada pela terra, sendo testados em vários tipos de aflições e nisso estamos amadurecimento em nosso amor e obediência por Deus. Esta jornada os anjos não tiveram. Eles já foram criados adultos e já colocados na família de Deus.

Os humanos não são criados adultos e eles não são colocados na família de Deus imediatamente. São os testes que Deus nos dá enquanto estamos nessa vida que Deus no prova se amamos Ele com todo o coração e alma, “… porquanto o Senhor vosso Deus vos prova, para saber se amais o Senhor vosso Deus com todo o vosso coração, e com toda a vossa alma”, Deuteronômio 13:3.

Então o ser humano poderá falar como o apostolo Paulo no final da vida dele e da imensidão de testes, aflições e tribulações que ele sofreu, “Combati o bom combate, acabei a carreira, guardei a fé. Desde agora, a coroa da justiça me está guardada, a qual o Senhor, justo juiz, me dará naquele dia; e não somente a mim, mas também a todos os que amarem a sua vinda”, 2 Timóteo 4:7-8.

Os anjos nunca tiveram essa jornada, ou carreira com falou Paulo. Eles não foram testados. Talvez essa falta de tribulação e de testes os deixou mais expostos a adquirirem atitudes contrarias a Deus e os levaram a rebelar contra o próprio criador deles.

Depois que os humanos que estão sendo chamados a servirem a Deus forem qualificados, depois de eles morrerem, eles serão ressuscitados para a família de Deus. Estas ressuscitações a Bíblia nos mostra que acontecerá duas vezes. Neste momento, na família de Deus tem somente um ser, que é o nosso Salvador e Criador, Jesus Cristo – por Ele, e através Dele e Nele foram criado tudo no mundo invisível e visível – Ele é o início e o fim de tudo.

 O homem é Deus porque ele é filho de Deus

             Se a finalidade do homem é ser filho de Deus então ele será também Deus, “Vede quão grande amor nos tem concedido o Pai, que fôssemos chamados filhos de Deus”, 1 João 3:1.

Não fique admirado quando falamos isso. Como pode alguém ser parte da família de Deus e não ser Deus. A mesma coisa acontece na terra. Se a pessoa nasceu dentro de uma família, então ela será parte daquela família e todas as coisas que pertence àquela família. Os filhos dos reis já nascem príncipes e alguns se tornaram reis também.

Do mesmo jeito, os que entrarão na família de Deus, serão também deuses sendo Deus Pai o pai da família. Nesta família já existe um filho nascido nela, Jesus Cristo. O restante da humanidade espera este dia de salvação. Aí está à razão do porque estamos aqui sendo treinados através da várias tribulações para amar e a obedecer ao nosso Deus Pai. Uma vez que o ser humano através do curso da vida dele prova a Deus que ele o ama, Deus o ressuscitará em Sua família e ele ser tornará um Deus. Observe o que Cristo tem falado…

            “Os judeus responderam, dizendo-lhe: Não te apedrejamos por alguma obra boa, mas pela blasfêmia; porque, sendo tu homem, te fazes Deus a ti mesmo. Respondeu-lhes Jesus: Não está escrito na vossa lei: Eu disse: Sois deuses?”, João 10:33-34.

Como vemos aqui, Jesus declara claramente que todos os que vivem de acordo com Deus são deuses. Consequentemente eles nasceram na família de Deus. Não há dúvida sobre isso.

 A Família de Deus é o Reino dos Céus e o Governo de Deus

             Não há segredo nenhum que o Reino dos Céus, o governo de Deus, é a própria família de Deus. Os membros dessa família terão poder sobre a terra. Cada um receberá conforme eles viveram de acordo com Deus – obedecendo todas as palavras de Deus – com amor e respeito. Esses são os que agora estão sendo chamados. Esses estão neste mesmo momento vivendo e agindo e pensando conforme Deus. Jesus quando voltar trará com ele a recompensa para eles…

“Porque o Filho do homem virá na glória de seu Pai, com os seus anjos; e então dará a cada um segundo as suas obras”, Mateus 16:27.

             Jesus disse a segunda vez mostrando que isso certamente acontecerá…

 “E, eis que cedo venho, e o meu galardão está comigo, para dar a cada um segundo a sua obra”, Apocalipse 22:12.

 Os filhos de Deus terão autoridade na terra

             É claro não podemos descrever tudo que esses receberão “segundo as suas obras”. O que podemos afirmar por certo é que eles terão cargos diferentes na família de Deus. Alguns serão sacerdotes num sentido de ensinar, pregar no Sábado e ficar muito envolvidos na alfabetização do povo da terra. Enquanto outros ficaram mais responsáveis na execução da palavra de Deus como os executivos como presidentes, governadores, prefeito, etc. Isto está bem claro na Bíblia…

 “E nos fez reis e sacerdotes para Deus e seu Pai; a ele glória e poder para todo o sempre. Amém”, Apocalipse 1:6.

“E para o nosso Deus nos fizeste reis e sacerdotes; e reinaremos sobre a terra”, Apocalipse 5:10.

Eles terão autoridade sobre a terra, “E, ouvindo eles estas coisas, ele prosseguiu, e contou uma parábola; porquanto estava perto de Jerusalém, e cuidavam que logo se havia de manifestar o reino de Deus. Disse pois:”

 “Certo homem nobre partiu para uma terra remota, a fim de tomar para si um reino e voltar depois. E, chamando dez servos seus, deu-lhes dez minas, e disse-lhes: Negociai até que eu venha. Mas os seus concidadãos odiavam-no, e mandaram após ele embaixadores, dizendo: Não queremos que este reine sobre nós. “E aconteceu que, voltando ele, depois de ter tomado o reino, disse que lhe chamassem aqueles servos, a quem tinha dado o dinheiro, para saber o que cada um tinha ganhado, negociando.”

 “E veio o primeiro, dizendo: Senhor, a tua mina rendeu dez minas. E ele lhe disse: Bem está, servo bom, porque no mínimo foste fiel, sobre dez cidades terás autoridade.”

 “E veio o segundo, dizendo: Senhor, a tua mina rendeu cinco minas. E a este disse também: Sê tu também sobre cinco cidades.”

 E veio outro, dizendo: Senhor, aqui está a tua mina, que guardei num lenço; Porque tive medo de ti, que és homem rigoroso, que tomas o que não puseste, e segas o que não semeaste. Porém, ele lhe disse: Mau servo, pela tua boca te julgarei. Sabias que eu sou homem rigoroso, que tomo o que não pus, e sego o que não semeei; Por que não puseste, pois, o meu dinheiro no banco, para que eu, vindo, o exigisse com os juros? E disse aos que estavam com ele: Tirai-lhe a mina, e dai-a ao que tem dez minas. (E disseram-lhe eles: Senhor, ele tem dez minas)”, Lucas 19:11-25.

 Mas, quem são esses?

             Vemos que um grupo de pessoas receberá esta grande benção de fazer parte da própria a família de Deus. De viver com Deus Pai e Seu filho na Sua família. Que benção poder ver Deus Pai e Seu filho e poder conversar com Eles. E acima de todas as coisas, saber que Eles nos amam e gostam de passar o tempo deles conosco. Mas, que são essas pessoas?

             “Mas vos sois a geração eleita, o sacerdócio real, a nação santa, o povo adquirido, para que anuncieis as virtudes daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz”, 1 Pedro 2:9.

Este grupo de pessoas é os que a Bíblia menciona como Chamados. Os que hoje em dia estão sendo chamados para viver uma vida segundo Deus. Apesar de viver nesse mundo junto com todas as tentações do mundo, mesmo assim, eles vivem diferentes deles porque a eles somente querem viver segundo Deus e zelosamente obedecer todas as leis e mandamentos de Deus. Não somente isso, mas todas as coisas que são agradáveis a Deus. Esses são os chamados…

 “Porque, vede, irmãos, a vossa vocação, que não são muitos os sábios segundo a carne, nem muitos os poderosos, nem muitos os nobres que são chamados”, 1 Coríntios 1:26.

 “Por isso também rogamos sempre por vós, para que o nosso Deus vos faça dignos da sua vocação, e cumpra todo o desejo da sua bondade, e a obra da fé com poder”, 2 Tessalonicenses 1:11.

“Portanto, irmãos, procurai fazer cada vez mais firme a vossa vocação e eleição; porque, fazendo isto, nunca jamais tropeçareis”, 2 Pedro 1:10.

 1. Essa vocação, ou chamada, está acontecendo a todos na terra?

Comentário: A resposta que temos na Bíblia é não. Deus está chamando muita pouca pessoa hoje em dia. Poucos na terra estão recebendo esta chamada de Deus para que eles se arrependam e mudem suas vidas segundo a de Deus, “Porque muitos são chamados, mas poucos escolhidos”, Mateus 22:14.

A seriedade desta chamada é séria. Se devemos responder essa chamada, devemos andar como Deus, ou Jesus Cristo, andou. Devemos seguir a Deus em todas as Suas palavras e leis e mandamentos e com a grande satisfação de assim fazer. É uma grande benção poder ter essa oportunidade de viver e ser chamado filho de Deus. Mas, nisso devemos andar como Jesus andou – igual a Deus pois Ele é Deus – o Filho de Deus – o Seu primeiro nascido na família de Deus, “Para que possais andar dignamente diante do Senhor, agradando-lhe em tudo, frutificando em toda a boa obra, e crescendo no conhecimento de Deus”, Colossenses 1:10.

Leave a comment

Os Primeiros Frutos não passarão pela grande tribulação

Os Primeiros Frutos tem uma ligação especial com Deus neste momento. Eles estão sendo testados para ver se serão contados como merecedores de estar com Cristo e com o Pai – nas bodas do Cordeiro.

Não é fácil ser eles. Eles passam por muitos tipos de tentação nesse momento. O mundo, Satanás e a própria a natureza humana os tentam. Por isso Cristo disse que muitos serão chamados, mas poucos os escolhidos, “Porque muitos são chamados, mas poucos escolhidos”, Mateus 22:14”.

A tribulação será diminuída por causa dos Primeiros Frutos. Jesus disse, “Porque naqueles dias haverá uma aflição tal, qual nunca houve desde o princípio da criação, que Deus criou, até agora, nem jamais haverá. E, se o Senhor não abreviasse aqueles dias, nenhuma carne se salvaria; mas, por causa dos eleitos que escolheu, abreviou aqueles dias”, Marcos 13:19-20.

Deus também tem prometido que os escolhidos não passaram pela tribulação que esta chegando no mundo, “Como guardaste a palavra da minha paciência, também eu te guardarei da hora da tentação que há de vir sobre todo o mundo, para tentar os que habitam na terra”, Apocalipse 3:10”.

Leave a comment

A Festa dos Primeiros Frutos

A FESTA DOS PÃES ASMOS

 A Festa dos Pães Asmos é uma Festa que é mencionada por Deus junto com a Festa de Tabernáculos e Festa de Pentecoste onde teremos que comparecer na presença de Deus todo o ano, “Três vezes no ano me celebrareis festa. A festa dos pães ázimos guardarás; sete dias comerás pães ázimos, como te tenho ordenado, ao tempo apontado no mês de Abibe; porque nele saíste do Egito; e ninguém apareça vazio perante mim”, Êxodo 23:14-15.

Podemos perceber a distinção aqui que Deus faz. Dentre as sete Festas somente estas três Ele requeri que comparecemos perante Ele. Com certeza o significado destas três Festas são mais destacados do que as outras – apesar de todas serem importantes.

Essas duas Festas, Pães Asmos e Tabernáculos, são bem parecidas. Elas têm sete dias completos onde o primeiro e o último dia é santo – devemos comparecer perante Deus com ofertas. Vemos então que elas têm muitas assimilações. O significado profético delas deve ser bem parecido.

Note a data que Deus disse que devemos celebrá-los, “E a festa da sega dos primeiros frutos do teu trabalho, que houveres semeado no campo, e a festa da colheita, à saída do ano, quando tiveres colhido do campo o teu trabalho. Três vezes no ano todos os teus homens aparecerão diante do Senhor DEUS”, Êxodo 23:16-17.

Deus fez a distinção destas Festas da seguinte maneira: uma será celebrada no início da colheita do ano (a Festa da sega dos Primeiros Frutos) e o outro no final da colheita do ano (A Festa da Colheita).

 A Festa da Sega dos Primeiros Frutos

Como vemos, a Festa dos Primeiros Frutos é outro nome para a Festa dos Pães Asmos.

Em relação à Festa de tabernáculos, a Festa dos Primeiros Frutos acontece na primavera, no início do ano enquanto a Festa de tabernáculos acontece no final do ano, Outono. Ela é literalmente chamada por Deus como Festa dos Primeiros Frutos.

Fisicamente, a Festa deve ser celebrada dessa maneira: não podemos comer nada que cresci quando cozinhamos ou qualquer coisa que usa fermento como bolo, etc, “A festa dos pães ázimos guardarás; sete dias comerás pães ázimos, como te tenho ordenado, ao tempo apontado do mês de Abibe; porque no mês de Abibe saíste do Egito”, Êxodo 34:18.

“Sete dias comerás pães ázimos, e ao sétimo dia haverá festa ao Senhor. Sete dias se comerá pães ázimos, e o levedado não se verá contigo, nem ainda fermento será visto em todos os teus termos”, Êxodo 13:6-7.

Como próprio nome indica, Pães Asmos, significa sem fermento. Vemos que Deus nesta Festa de Pães Asmos não quer que comamos nada que tem fermento ou que cresci pois o fermento simboliza o pecado, “Por isso façamos a festa, não com o fermento velho, nem com o fermento da maldade e da malícia, mas com os ázimos da sinceridade e da verdade”, 1 Coríntios 5:8.

 Mas o que profeticamente esta Festa dos Primeiros Frutos significa?

 Os Primeiros Frutos – os primeiros chamados

No plano que Deus tem para a humanidade, Ele claramente  fala que haverá os que estão sendo chamados hoje em dia para fazer parte de Sua família. Esses são chamados Primeiros Frutos porque eles estão sendo chamado antes do resto da humanidade que acontecerá mais tarde – na Festa de Tabernáculos.

Perceba que o apóstolo Paulo fala claramente sobre eles como sendo os primeiros a serem chamados por Deus, “Rogo-vos, pois, eu, o preso do Senhor, que andeis como é digno da vocação com que fostes chamados”, Efésios 4:1. Ele fala mais desse grupo de pessoas, “Por isso também rogamos sempre por vós, para que o nosso Deus vos faça dignos da sua vocação [chamada]”, 2 Tessalonicenses 1:11.

O apostolo Pedro também fala de nossa chamada. Os Primeiros Frutos estão sendo chamados agora, como à sega da primeira colheita do ano para obedecer a Deus e manter todas Suas leis e mandamentos e tudo que sai da boca de Deus. Sim a chamada dos Primeiros Frutos esta acontecendo agora, neste exato momento.

Deus está dando conhecimento sobre Ele e vendo se aqueles que estão recebendo estes ensinamentos estão, na realidade, colocando eles em prática em suas vidas. Os caminhos de Deus exigem uma mudança na maneira carnal que somos.

Por isso eles nesse momento estão sendo julgados para fazerem parte dos Primeiros Frutos de Deus a serem chamados, “Portanto, irmãos, procurai fazer cada vez mais firme a vossa vocação e eleição; porque, fazendo isto, nunca jamais tropeçareis. Porque assim vos será amplamente concedida a entrada no reino eterno de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo”, 2 Pedro 1:10-11.

Cristo é o primeiro dos Primeiros Frutos

            Cristo é o primeiro nascido dos Primeiros Frutos. Deus assim queria para que Ele que criou todas as coisas também o primeiro a fazer parte da família de Deus, “Mas de fato Cristo ressuscitou dentre os mortos, e foi feito as primícias dos que dormem”, 1 Coríntios 15:20.

 “Segundo a sua vontade, ele nos gerou pela palavra da verdade, para que fôssemos como primícias das suas criaturas”, Tiago 1:18.

 “Isto é, que o Cristo devia padecer, e sendo o primeiro da ressurreição dentre os mortos, devia anunciar a luz a este povo e aos gentios”, Atos 26:23.

 A Primeira Ressurreição é dos Primeiros Frutos

A Bíblia fala claramente que haverá a primeira ressurreição. Esta ressurreição são aqueles que já morreram zelando, obedecendo e agindo conforme as palavras de Deus. Eles viveram uma vida justa em Deus. Muitos morreram e hoje espera a chamada da salvação deles. Eles serão chamados na primeira ressurreição, “Mas os outros mortos não reviveram, até que os mil anos se acabaram. Esta é a primeira ressurreição”, Apocalipse 20:5.

Esta ressurreição é a melhor do que a segunda onde o resto da humanidade que nunca ouviram falar em Jesus o que não foram chamados por Deus, terá a chance deles de viverem de acordo com as palavras de Deus, “Bem-aventurado e santo aquele que tem parte na primeira ressurreição; sobre estes não tem poder a segunda morte; mas serão sacerdotes de Deus e de Cristo, e reinarão com ele mil anos”, Apocalipse 20:6

Sim, a primeira ressurreição acontecerá e todos aqueles que morreram ou estão vivendo de acordo com Deus, serão chamados e encontrarão Jesus no ar, “Depois nós, os que ficarmos vivos, seremos arrebatados juntamente com eles nas nuvens, a encontrar o Senhor nos ares, e assim estaremos sempre com o Senhor”, 1 Tessalonicenses 4:17.

A Festa dos Pães Asmos – Primeira Ressurreição – Primeiros Frutos

A Festa da sega dos primeiros frutos do solo são os primeiros seres humanos que quando foram chamados, ouviram e obedeceu a voz de Deus e mudaram suas vidas. Para essas pessoas Deus tem criado uma melhor ressurreição – a primeira ressurreição.

Eles neste momento estão lutando contra Satanás e o mundo como também contra a própria natureza humana que temos. Não é nada fácil. Na segunda ressurreição, não teremos Satanás mais e os Primeiros Frutos estarão aqui na terra reinando com Cristo. O ambiente como pode perceber é bem melhor. Os Primeiros Frutos junto com Cristo não admitiram qualquer tipo de males que existem hoje em dia. Se alguma pessoa quiser fazer alguma coisa, simplesmente ouviram um aviso para não fazer o mal, “E os teus ouvidos ouvirão a palavra do que está por detrás de ti, dizendo: Este é o caminho, andai nele, sem vos desviardes nem para a direita nem para a esquerda”, Isaías 30:21.

Leave a comment