O Começo de Tudo, Parte 2

Para baixar as lições em PDF, clique aqui

Mas como era no Início

 Bem no início sabemos que Deus e Seu filho já existiam. Quando não havia nada, quando nada foi criado, Deus Pai e Seu filho já existia. Essa concepção é claro é muito difícil para o ser humano entender. Até os anjos não sabem de tudo. Há muitas coisas que são reveladas diretas àqueles que têm o Espírito de Deus, “Aos quais foi revelado que, não para si mesmos, mas para nós, eles ministravam estas coisas que agora vos foram anunciadas por aqueles que, pelo Espírito Santo enviado do céu, vos pregaram o evangelho; para as quais coisas os anjos desejam bem atentar”, 1 Pedro 1:12. Os anjos mesmos procuram entender as coisas sendo reveladas de Deus para nós.

Sabemos por João 1:1 que no início, já viviam Deus Pai e o Verbo, Seu filho Jesus Cristo. Mas, como era esse mundo. Isso, acreditamos que só será respondido quando o Pai nos disser. Mas, era um mundo escuro sem vida sem nada? Sabemos que pelo menos escuro não era.

A Bíblia mostra que Deus gera luz. Ele é a luz. Não uma luz como vemos do sol ou das estrelas porque este tipo de luz acontece depois de uma mistura de substancia química ou orgânica física. A luz que vemos do sol, da lua e das estrelas são uma mistura de componentes que junto criam a luz. A luz do fogo, por exemplo, é criada numa oxidação de material combustível liberando calor e luz. Não é assim o nosso Deus. Ele é a luz. A luz que sai Dele é Ele.

Note que João literalmente chama Jesus de Luz, “Nele estava a vida, e a vida era a luz dos homens. E a luz resplandece nas trevas, e as trevas não a compreenderam”, João 1:4-5. João falou claramente que João Batista veio para dar testemunho da Luz (Jesus), “Este veio para testemunho, para que testificasse da luz, para que todos cressem por ele. Não era ele a luz [João Batista], mas para que testificasse da luz [Jesus]”, João 1:7-8.

A luz de Deus com certeza absoluta não tem o mesmo brilho destas luzes que conhecemos neste mundo físico. A luz de Deus é pura e viva e intensa. Vemos que até mesmo aqui na terra há vários tipos de claridade de luz. Umas meio amareladas e outras mais brancas. Como a luz de Deus é gerada Dele e Ele não precisa de nenhum tipo de combustão, com certeza deve ser uma luz muito brilhante e tão forte que parece que até podemos pegar nela, “E ali não haverá mais noite, e não necessitarão de lâmpada nem de luz do sol, porque o Senhor Deus os ilumina; e reinarão para todo o sempre”, Apocalipse 22:5.

 “E ele tinha na sua destra sete estrelas; e da sua boca saía uma aguda espada de dois fios; e o seu rosto era como o sol, quando na sua força resplandece”, Apocalipse 1:16.

Sim, podemos ver claramente que Deu Pai e Seu filho tem dentro deles a vida, ou a luz. A luz é na realidade quem eles são. Eles emitem luz. Vemos que apostolo Tiago até chamou Deus Pai de Pai das luzes, “Toda a boa dádiva e todo o dom perfeito vem do alto, descendo do Pai das luzes, em quem não há mudança nem sombra de variação”, Tiago 1:17.

1.  O mundo que Deus vivia com Jesus era um mundo escuro?

 Comentário: Vemos isso claramente descrito na Bíblia que escuro não era. Com certeza era um mundo muito iluminado pela própria luz de Deus e de Seu filho.

 Jesus cria os anjos e os arcanjos

 Em um tempo no universo, Deus e Jesus Cristo tomaram a decisão de começar a criar seres viventes. Jesus claramente criou tudo no mundo físico e espiritual. Isso é facilmente visto em João 1:3, “Todas as coisas foram feitas por ele, e sem ele nada do que foi feito se fez”.

Pela autoridade do Pai, Jesus começou a criar tudo que existe hoje em dia no mundo espiritual e físico. A Bíblia nos mostra que no começo de tudo, Deus criou um ser muito poderoso. Não sabemos se Ele foi criado antes dos anjos ou depois da criação dos anjos. Mas sabemos que ele foi criado perfeito em todos os sentidos. Este ser se chamava Lúcifer.

 Jesus cria Lúcifer, Miguel e Gabriel

Num ponto da história no início da criação do mundo espiritual, Jesus criou Lúcifer, Miguel e Gabriel. Estes arcanjos são poderosos. Na Bíblia achamos o nome deles mencionados…

 Do arcanjo Miguel vemos…

 “Mas o príncipe do reino da Pérsia [Satanás] me resistiu vinte e um dias, e eis que Miguel, um dos primeiros príncipes, veio para ajudar-me, e eu fiquei ali com os reis da Pérsia”, Daniel 10:13. O reino da Pérsia era Satanás lutando contra Gabriel. Gabriel chamou Miguel de um dos primeiros príncipes”. Note versículo 21, “senão Miguel, vosso príncipe”.

 “E naquele tempo se levantará Miguel, o grande príncipe, que se levanta a favor dos filhos do teu povo…”, Daniel 12:1.

Note que esse arcanjo Miguel, nele Deus o encarregou de proteger os filhos de Deus – todos aqueles que são guiados pelo Espírito de Deus. Miguel com certeza é um poderoso anjo que a Bíblia mostra que encara Satanás sem medo e com muito poder de Deus. Eles sempre batalham e, é claro, Satanás sempre perdi.

 “Mas o arcanjo Miguel, quando contendia com o diabo, e disputava a respeito do corpo de Moisés, não ousou pronunciar juízo de maldição contra ele; mas disse: O Senhor te repreenda”, Judas 1:9.

 “E houve batalha no céu; Miguel e os seus anjos batalhavam contra o dragão, e batalhavam o dragão e os seus anjos”, Apocalipse 12:7.

 Do arcanjo Gabriel vemos…

Gabriel também é um grande poderoso anjo. Mas o que indica na Bíblia é que Deus o usa para dar mensagem Dele. Na guerra que vemos entre ele e Satanás, ele mesmo fala que é uma batalhar difícil e que às vezes Satanás até é mais poderoso que ele. Note o que ele mesmo fala de uma de suas batalhas contra o diabo, Satanás, e seus demônios “Mas eu te declararei o que está registrado na escritura da verdade; e ninguém há que me anime contra aqueles, senão Miguel, vosso príncipe”, Daniel 10:21. Não que Satanás e seus demônios sejam mais poderosos do que ele, mas como você vê aqui, isso é uma coisa que não anima ele, essas guerras contra Satanás. Os confrontos contra o Diabo a Bíblia mostra que vem sempre contra o nosso príncipe, Miguel.

Nos registros da Bíblia vemos que Gabriel foi enviado para levar uma mensagem a Daniel como também a Maria, mãe de Jesus. Gabriel pode ter sido enviado a muitos para levar a mensagem de Deus.

 “E, respondendo o anjo, disse-lhe: Eu sou Gabriel, que assisto diante de Deus, e fui enviado a falar-te e dar-te estas alegres novas… E, no sexto mês, foi o anjo Gabriel enviado por Deus a uma cidade da Galiléia, chamada Nazaré”, Lucas 1:19,26.

 “E ouvi uma voz de homem entre as margens do Ulai, a qual gritou, e disse: Gabriel, dá a entender a este a visão… Estando eu, digo, ainda falando na oração, o homem Gabriel, que eu tinha visto na minha visão ao princípio, veio, voando rapidamente, e tocou-me, à hora do sacrifício da tarde”, Daniel 8:16; 9:21

Gabriel para ser um mensageiro de Deus. Ele está constantemente perante Deus. Olha o que ele mesmo fala, assisto diante de Deus.

 Do arcanjo Lúcifer vemos…

Lúcifer foi um arcanjo que Deus criou com grande glória e beleza. Deus mesmo descreve sobre ele, “Veio a mim a palavra do Senhor, dizendo: Filho do homem, levanta uma lamentação sobre o rei de Tiro, e dize-lhe: Assim diz o Senhor DEUS: Tu eras o selo da medida, cheio de sabedoria e perfeito em formosura. Estiveste no Éden, jardim de Deus; de toda a pedra preciosa era a tua cobertura: sardônia, topázio, diamante, turquesa, ônix, jaspe, safira, carbúnculo, esmeralda e ouro; em ti se faziam os teus tambores e os teus pífaros; no dia em que foste criado foram preparados. Tu eras o querubim, ungido para cobrir, e te estabeleci; no monte santo de Deus estavas, no meio das pedras afogueadas andavas. Perfeito eras nos teus caminhos, desde o dia em que foste criado, até que se achou iniqüidade em ti”, Ezequiel 28:11-15.

Perceba bem o poder desse querubim, ou arcanjo. Ele foi criado perfeito em beleza e sabedoria. Ele foi ungido pelo próprio Deus para cobrir o Seu trono. Ele andava nas próprias pedras de fogo do trono de Deus. Em tudo Lúcifer era perfeito. Ele estava no trono de Deus junto com os Miguel e Gabriel. Assim era, até o dia que pecado foi achado dentro dele e Ele se rebelou contra Deus, “Como caíste desde o céu, ó Lúcifer, filho da alva! Como foste cortado por terra, tu que debilitavas as nações! E tu dizias no teu coração: Eu subirei ao céu, acima das estrelas de Deus exaltarei o meu trono, e no monte da congregação me assentarei, aos lados do norte. Subirei sobre as alturas das nuvens, e serei semelhante ao Altíssimo”, Isaías 14:12-14.

 Lúcifer se torna Satanás [Diabo ou serpente]

 A rebelião de Lúcifer está bem descrita em várias escrituras. Satanás enganou muitos anjos que se tornaram demônios. A Bíblia não descreve o tanto de tempo que isso aconteceu. Por causa do número de anjo s que foram enganados a guerrear contra Deus era enorme, podemos concluir que foi muito tempo mesmo que satanás ficava tentando os enganar. Deus deixou que ele tentasse tentar todos os anjos e separar os que foram enganados por ele. Isto deve ter acontecido num inervá-lo de tempo muito grande. Tempo não tem impacto no mundo espiritual, “E a sua cauda levou após si a terça parte das estrelas [anjos] do céu, e lançou-as sobre a terra…”, Apocalipse 12:4.

Muitos podem até perguntar, “como pode um anjo achar que pode derrubar o seu próprio criador de seu trono?”. Acreditamos que a resposta disso é muito simples; Deus não anda por aí mostrando o Seu poder total para todo mundo. Porque se esse fosse o caso, com certeza Lúcifer não tentaria guerreia-lo, pois veria que Deus é muito poderoso. Não, acreditamos que Deus é muito humilde. Acreditamos que Deus não fica mostrando o Seu poder toda hora para que todos possam ficar com medo Dele. Ele é muito humilde. Não fica por aí mostrando o Seu poder. Aqui pode ser um razão que esse próprio ser achou que poderia vencê-Lo.

O poder de Deus é tão infinito que Ele mesmo nem esquenta com esse ser. Ele deixa seus anjos Miguel e Gabriel ou talvez até outros cuidar dele.

2. Deus criou o Diabo?

Comentário: Como pode alguém realmente pensar estas coisas. Pode Deus criar o mal? Não Deus não criou o Diabo e nem os demônios. Deus criou Lúcifer que foi perfeito em todos os seus caminhos com grande sabedoria e beleza. Os anjos também foram da mesma forma. Não tão cheiro de sabedoria com Lúcifer, mas perfeitos e bonitos. Deus não cria meia coisa de nada. Tudo que Deus cria é perfeito, e bonito e harmonioso – não há dúvida sobre isso.

Foi Lúcifer e um terço dos anjos que rebelarão e se tornaram satanás, o adversário, e demônios.

3. O diabo é mais forte que Deus?

Comentário: Muitos acham isso! Muitos olham esses filmes por aí onde o Diabo está dando um trabalho danado para Deus. Em muitas ocasiões está até vencendo. Isso é longe da verdade. Em nenhum lugar na Bíblia você vê isso. Muito pelo contrário. Você vê sempre o Diabo pedindo autoridade para fazer alguma coisa na terra e com os seres humanos. Não há dúvida que se ele pudesse fazer o que ele quer, todos nós já estaríamos mortos.

A história de Jó mostra claramente, assim como outros versos na Bíblia, que o Diabo está sob o controle de Deus. Ele só faz as coisas que são dadas para ele. Nem ele e nem os demônios nem mesmo tenta desobedecer a Deus. Olhe a história de Jó…

 “E num dia em que os filhos de Deus vieram apresentar-se perante o Senhor, veio também Satanás  entre eles. Então o Senhor disse a Satanás: Donde vens? E Satanás respondeu ao Senhor, e disse: De rodear a terra, e passear por ela. E disse o Senhor a Satanás: Observaste tu a meu servo Jó? Porque ninguém há na terra semelhante a ele, homem íntegro e reto, temente a Deus, e que se desvia do mal. Então respondeu Satanás ao Senhor, e disse: Porventura teme Jó a Deus debalde? Porventura tu não cercaste de sebe, a ele, e a sua casa, e a tudo quanto tem? A obra de suas mãos abençoaste e o seu gado se tem aumentado na terra. Mas estende a tua mão, e toca-lhe em tudo quanto tem, e verás se não blasfema contra ti na tua face. E disse o Senhor a Satanás: Eis que tudo quanto ele tem está na tua mão; somente contra ele não estendas a tua mão. E Satanás saiu da presença do Senhor”, Jó 1:6-12. Olha o comando de Deus. Novamente a segunda vez…

 “E, vindo outro dia, em que os filhos de Deus vieram apresentar-se perante o SENHOR, veio também Satanás entre eles, apresentar-se perante o SENHOR. Então o Senhor disse a Satanás: Donde vens? E respondeu Satanás ao Senhor, e disse: De rodear a terra, e passear por ela. E disse o Senhor a Satanás: Observaste o meu servo Jó? Porque ninguém há na terra semelhante a ele, homem íntegro e reto, temente a Deus e que se desvia do mal, e que ainda retém a sua sinceridade, havendo-me tu incitado contra ele, para o consumir sem causa. Então Satanás respondeu ao Senhor, e disse: Pele por pele, e tudo quanto o homem tem dará pela sua vida. Porém estende a tua mão, e toca-lhe nos ossos, e na carne, e verás se não blasfema contra ti na tua face! E disse o Senhor a Satanás: Eis que ele está na tua mão; porém guarda a sua vida”, Jó 2:1-6.

Há muitos os versículos que mostra a submissão do Diabo para com Deus. Isso é indiscutível.

 Cristo viu Satanás se jogado para a terra

 A Bíblia mostra que Lúcifer subiu ao trono de Deus para guerrear contra ele. Quando a mente dele ficou corrupta e pecado foi achado nele, ele realmente achou que seria fácil derrotar o nosso Deus. É claro quando sua mente chega a um ponto tão corrupto assim, não podemos mais pensar coisas certas. Como o exemplo de Hitler na segunda guerra mundial que achava que poderia destruir todo o mundo.

Lúcifer (ele se tornou Satanás depois que lutou contra Deus) que enganou um terço dos anjos subiu ao trono de Deus para lutar contra ele. Ele foi jogado na terra junto com seus anjos (demônios) e aqui estão até o dia de hoje, “E disse-lhes: Eu via Satanás, como raio, cair do céu”, Lucas 10:18.

Esta rebelião podemos ver claramente em Gênesis 1:2, “E a terra era sem forma e vazia; e havia trevas sobre a face do abismo; e o Espírito de Deus se movia sobre a face das águas”. Depois que Deus criou o céu e a terra, ouve um período de tempo entre Gênesis 1:1 e Gênesis 1:2. Como pode Deus criar alguma coisa neste estado que se encontrava a terra. A terra estava destruída. Deus não cria nada neste estado destrutivo. Ele simplesmente não é este tipo de ser. Tudo que Ele faz e perfeito e bonito e harmonioso.

A rebelião de Satanás causou isso na terra. A destruição completa de tudo. A terra ficou em estado de calamidade – totalmente destruída.

4. O Diabo vai guerrear contra Deus de novo?

Comentário: A Bíblia diz que sim. Hoje em dia vemos que Satanás ainda tem acesso para conversar com Deus. Ele aparece em várias escrituras comparecendo perante Deus. Você acabou de ler os exemplos em Jó quando ele apareceu junto com os anjos para ver Deus. Chegará um tempo onde Satanás não poderá ir ao trono de Deus mais.

Satanás tentará uma nova guerra contra Deus. Está batalhar está escrita no livro de Apocalipse, “E houve batalha no céu; Miguel e os seus anjos batalhavam contra o dragão, e batalhavam o dragão e os seus anjos; Mas não prevaleceram, nem mais o seu lugar se achou nos céus. E foi precipitado o grande dragão, a antiga serpente, chamada o Diabo, e Satanás, que engana todo o mundo; ele foi precipitado na terra, e os seus anjos foram lançados com ele”, Apocalipse 12:7-9.

  1. Leave a comment

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: