Archive for category Trindade

18-03-2017: Conheça o Seu Deus

Mensagem de Sábado

Estamos perto de um outro início de ano Deus. Em menos de duas semanas saberemos o estado da cevada em Israel. Se a cevada está madura então com a declaração da lua nova, teremos o início do ano de Deus.

Porque não passar o dia de hoje, o dia de Sábado revisando os materiais já produzidos. Há muitos estudos que lhe deixará com uma mente aberta meditando nos mandamentos de Deus. Conheça o Seu Deus.

Quem é Seu Deus? O que Ele deseja de você? No que pode ser útil a Deus? Qual é o propósito de Deus para a humanidade? Quais são as atitudes que Deus procura em uma pessoas? Quais são as Suas Festas? Qual é a diferença entra as Festas da Primavera e as Festas do Outono?

Há muito do que aprender sobre seu Deus. Levante a mão a Ele e Ele lhe amparará. Isso é promessa dele… “Chegai-vos a Deus, e ele se chegará a vós…”, Tiago 4:8.

Não opressa o Espírito Santo que está com você. E depois do batismo, Ele estará dentro de você… “O Espírito de verdade, que o mundo não pode receber, porque não o vê nem o conhece; mas vós o conheceis, porque habita convosco, e estará em vós”, João 14:17.

E não entristeçais o Espírito Santo de Deus”, Efésios 4:30.  Mais porque? Porque “O Espírito que em nós habita tem ciúmes?”, Tiago 4:5.

Seguidores de YaHoVah, nosso Deus, tomai cuidado para não se apaixonar por esse mundo. As consequências podem ser drásticas. Aqui está a maior delas, “Adúlteros e adúlteras, não sabeis vós que a amizade do mundo é inimizade contra Deus? Portanto, qualquer que quiser ser amigo do mundo constitui-se inimigo de Deus”, Tiago 4:4.

Sugestão para leitura

O Começo de Tudo (pdf)

Você é um Deus? (pdf)

Conheça o Seu Deus (pdf)

Deus Você e o Universo (pdf)

A Trindade (pdf)

Deus Pai e Jesus Cristo (pdf)

Bom Sábado de reflexão ao Senhor

Leave a comment

Lição 34 terminada

Terminamos a lição 34 sobre o nosso Deus Pai e Seu filho Jesus Cristo. A lição expande ainda mais mostrando que a doutrina da Trindade é falsa. O Pai e Seu Filho Jesus são duas entidades totalmente separadas. Eles tem Seus próprios sentimentos. Eles tem Suas próprias maneira de agir e pensar. Entretanto, porque eles vivem em harmonia perfeita, seus sentimentos são comuns. É por isso que Jesus diz que o Pai está Nele e Ele no Pai. Não porque eles são um ser somente; um ser que são dois ao mesmo tempo. Isso é o que fala a doutrina pagã da Trindade.

Lição 34 – um estudo fascinante sobre os sentimentos do Pai e do Seu Filho Jesus.

Leave a comment

Jesus o Filho do Deus vivo, Mat 16:16

Jesus demonstrou claramente aos Seus apóstolos e discípulos que Ele era o Filho de Deus. Jesus nunca escondeu o fato. Aliás, foi o que Ele mais falava. Que Ele veio de Deus e que iria voltar a Deus. Que ninguém conhece Deus Pai senão o Filho. E muito mais Ele falou de Seu Pai.

Pedro e os apóstolos entenderam bem. Note o que Pedro disse, “E Simão Pedro, respondendo, disse: Tu és o Cristo, o Filho do Deus vivo”, Mateus 16:16. Não somente Pedro, mas todos os apóstolos e aqueles que amavam, seguia e fazia tudo que Jesus ensinava.

Eles tinham a consciência absoluta, sem a menor existência de dúvida, que Cristo era, e é, o Filho do Deus vivo. Observe a confirmação novamente por Pedro falando pelos apóstolos também, “Respondeu-lhe, pois, Simão Pedro: Senhor, para quem iremos nós? Tu tens as palavras da vida eterna. E nós temos crido e conhecido que tu és o Cristo, o Filho do Deus vivente”, João 6:68-69.

 Jesus o Deus do Antigo Testamento

           Sim, não há dúvida da existência de um Ser, o Pai de Jesus e de todos que obedecem as Suas leis e mandamentos e adoram fazer tudo que é aceitável a Ele. Muitos tentam falar que Esse Deus é na realidade Jesus numa terceira forma. Que absurdo é isso o que a Trindade existe.

No começo Jesus estava com Deus, “No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus. Ele estava no princípio com Deus. Todas as coisas foram feitas por ele, e sem ele nada do que foi feito se fez”, João 1:1-3.

          Jesus declara a Sua existência sem a menor dúvida que Ele era o Deus do Antigo Testamento e foi por causa disso que até o povo daquela época ficou com raiva Dele, “Disse-lhes Jesus: Em verdade, em verdade vos digo que antes que Abraão existisse, eu sou”, João 8:58. Jesus está falando aqui do momento em que Moisés perguntou pelo o nome Dele. Isso mostra claramente que era Jesus que falava com Moisés; note, “E disse Deus a Moisés: EU SOU O QUE SOU. Disse mais: Assim dirás aos filhos de Israel: EU SOU me enviou a vós”, Êxodo 3:14.

Todas as vezes que vemos a presença de Deus no Antigo e no Novo Testamento, é Jesus que aparece. Vemos a presença ado Pai nas escrituras citadas anteriormente. Note por exemplo no livro de Jó que Deus aparece para que as Suas criaturas possam conversar com Ele. Tem a atenção Dele. Dias que são reservados para todos aqueles que querem ter quiserem, ter a oportunidade de conversar com Deus. “E num dia em que os filhos de Deus vieram apresentar-se perante o Senhor…”, Jó 1:6. Novamente, noutro dia, “E, vindo outro dia, em que os filhos de Deus vieram apresentar-se perante o SENHOR…”, Jó 2:1. Então vemos aqui que Deus marca dias para apresentar a todos que querem Vê-lo. Esse “Senhor” mencionado aqui é Jesus Cristo.

Jesus foi quem apareceu ou conversou com Abraão, Moisés, rei Davi, Daniel, Jó e todos aqueles que conversaram com o que a Bíblia descreve de “Senhor”.

Sim Deus Pai tem Seu trono, “Ao que vencer lhe concederei que se assente comigo no meu trono; assim como eu venci, e me assentei com meu Pai no seu trono”, Apocalipse 3:21. Mas, pelo que parece, Deus Pai não fica andando por aí na presença de todos os seres espirituais no céu. Note, “Deus nunca foi visto por alguém. O Filho unigênito, que está no seio do Pai, esse o revelou”, João 1:18.

 Os demônios sabem da existência do Pai porque chamam Jesus de filho

           Observe por exemplo o que a escritura fala claramente de um Deus que não é muito visto por todos, “Tu crês que há um só Deus; fazes bem. Também os demônios o crêem, e estremecem”, Tiago 2:19.

          Esse Deus é Deus Pai porque Jesus sempre apareceu a todos os seres no céu e na terra. Ele era bem conhecido no mundo espiritual, mesmo apesar Dele ter um corpo espiritual diferente do que Ele teve aqui nessa terra. Observe que os demônios sabiam que Jesus era o Filho de Deus, “E, quando viu a Jesus, prostrou-se diante dele, exclamando, e dizendo com grande voz: Que tenho eu contigo, Jesus, Filho do Deus Altíssimo? Peço-te que não me atormentes”, Lucas 8:28.

E em outro lugar, E os espíritos imundos vendo-o, prostravam-se diante dele, e clamavam, dizendo: Tu és o Filho de Deus”, Marcos 3:11.

 Jesus e Deus Pai são Um

           Quando Jesus disse que Ele está no Pai e o Pai está Nele, não significa que Ele é os dois. Somente significa que Ele e o Pai pensam e agem da mesma maneira, “Não crês tu que eu estou no Pai, e que o Pai está em mim? As palavras que eu vos digo não as digo de mim mesmo, mas o Pai, que está em mim, é quem faz as obras” , João 14:10. Eles são um porque são exatamente iguais no modo de viver.

Jesus fala a mesma coisa com aqueles que vão viver e agir da mesma maneira que Ele viveu e agiu, “Naquele dia conhecereis que estou em meu Pai, e vós em mim, e eu em vós”, João 14:20. Quem são esses? “Aquele que tem os meus mandamentos e os guarda esse é o que me ama; e aquele que me ama será amado de meu Pai, e eu o amarei, e me manifestarei a ele”, João 14:21. Mas de que maneira? “Como o Pai me amou, também eu vos amei a vós; permanecei no meu amor. Se guardardes os meus mandamentos, permanecereis no meu amor; do mesmo modo que eu tenho guardado os mandamentos de meu Pai, e permaneço no seu amor”, João 15:9-10.

Filipe perguntou direto a Cristo sobre o Pai. Cristo falava tanto do Pai que Ele queria conhecer o Pai. Observe, “Disse-lhe Filipe: Senhor, mostra-nos o Pai, o que nos basta. Disse-lhe Jesus: Estou há tanto tempo convosco, e não me tendes conhecido, Filipe? Quem me vê a mim vê o Pai; e como dizes tu: Mostra-nos o Pai? Não crês tu que eu estou no Pai, e que o Pai está em mim? As palavras que eu vos digo não as digo de mim mesmo, mas o Pai, que está em mim, é quem faz as obras”, João 14:8-10.

           Sim, o Pai e Jesus são um só. Não porque existe um ser que ao mesmo tempo por ser três seres e vira essa confusão danada de quem está falando. Não Jesus e o Pai são Um porque tem a mesma mente e sentimento. Eles vivem e pensam da mesma maneira. É por isso que Cristo falou dessa maneira. Mas, o diabo tem enganado todo o mundo e colocado isso na mente dos humanos.

,

Leave a comment

Deus Pai deu tudo para Seu filho Jesus Cristo

Existe realmente um ser que vive em um universo espiritual que ninguém vê? Existe um ser tão poderoso que pode fazer qualquer coisa que Ele quer? Um ser de onde todas as coisas boas dão origem? Um ser onde não precisa ter luz para iluminá-Lo porque Ele mesmo gera Sua própria luz? Um ser que se tornou Pai quando Seu filho nasceu de uma mulher? Cristo fala extensivamente de outro ser chamou-O de Pai; Jesus mesmo conhecido na bíblia como o Verbo, tem vivido como Deus Pai por toda eternidade.

Tudo a nosso respeito nessa vida é por causa deste ser que é o nosso Deus Pai. Foi por causa do nosso Pai que hoje existimos. Foi por causa de nosso Pai que Seu filho foi enviado a terra para salvar todos aqueles que se arrependem e querem entrar na família de Deus.

Jesus mesmo fala de Seu Pai e do tamanho de poder e gloria que Ele tem, Meu Pai, que mas deu, é maior do que todos; e ninguém pode arrebatá-las da mão de meu Pai”, João 10:29.

Jesus fala mais, “… Vou para o Pai; porque meu Pai é maior do que eu”, João 14:28.

          “Na verdade, na verdade vos digo que não é o servo maior do que o seu senhor, nem o enviado maior do que aquele que o enviou”, João 13:16.

Novamente, Jesus, porém, olhando para eles, disse: Para os homens é impossível, mas não para Deus, porque para Deus todas as coisas são possíveis”, Marcos 10:27.

Jesus não deixou em segredo que o Pai é mais poderoso do que Ele.

 Todas as coisas foram dada a Jesus pelo Pai

           O Pai que tem poder absoluto deu a Seu filho todo poder e gloria. Ninguém a não ser Deus Pai tem mais poder que Jesus Cristo. Jesus já era o Verbo e era Deus antes de vir para a terra. Mas, quando Jesus venceu Satanás e o mundo, o Pai o deu tudo, todos os poderes e gloria do universo físico e espiritual. Somente o Pai pode dar as coisas que existem que Ele criou, a quem Ele quiser. E Ele as deu a Seu filho Jesus…

          E, chegando-se Jesus, falou-lhes, dizendo: É-me dado todo o poder no céu e na terra”, Mateus 28:18.

“Tudo por meu Pai foi entregue; e ninguém conhece quem é o Filho senão o Pai, nem quem é o Pai senão o Filho, e aquele a quem o Filho o quiser revelar”, Lucas 10:22.

          “O Pai ama o Filho, e todas as coisas entregou nas suas mãos”, João 3:35.

          “E também o Pai a ninguém julga, mas deu ao Filho todo o juízo”, João 5:22.

E finalmente, mais uma escritura onde Jesus afirma claramente que Ele já sabia que o Pai deu a ele todas as coisas antes mesmo Dele ser crucificado, “Jesus, sabendo que o Pai tinha depositado nas suas mãos todas as coisas, e que havia saído de Deus e ia para Deus”, João 13:3.

 A voz de Deus Pai

           Muitos que dizem que não existe um Deus separado de Jesus. E que Jesus é o Pai o Filho e o Espirito Santo, estamos falando da doutrina católica da Trindade, não consegue explicar como uma voz foi falada a Jesus mostrando claramente que existe um ser, Deus Pai, que tem Sua própria existente separada de Jesus. Um ser individual e separado de Jesus. A Trindade explica que todos os três são um só, mas como pode um ser três e poder falar separadamente. Sim esta doutrina é fala. Observe o Pai falando a Seu filho Jesus…

          “E eis que uma voz dos céus dizia: Este é o meu Filho amado, em quem me comprazo [estou muito feliz]”, Mateus 3:17. No batismo de Jesus, O Pai declara claramente que Jesus é o Filho Dele. Isso obviamente, quebra a doutrina da Trindade, pois aqui vemos independentemente que um ser esta falando de outro totalmente independente ser, o Pai falando ao filho.

Em outro lugar, o Pai fala a aqueles que estão presentes de uma nuvem, “E desceu uma nuvem que os cobriu com a sua sombra, e saiu da nuvem uma voz que dizia: Este é o meu filho amado; a ele ouvi”, Marcos 9:7. Novamente, mostrando claramente o Pai falando para nós para ouvir o Seu filho, pois Ele era, e é, o Seu filho amado.

Em outra circunstância, Jesus, o filho, elevou Sua voz ao alto e conversou com Seu Pai onde o Pai também o respondeu, “Pai, glorifica o teu nome. Então veio uma voz do céu que dizia: Já o tenho glorificado, e outra vez o glorificarei”, João 12:28.

Leave a comment

O Espírito de Deus não é um ser

O que podemos falar sobre a doutrina da Trindade? Essa doutrina pregada por muitas igrejas mais principalmente pela igreja Católica prega o seguinte, Trindade ou Santíssima Trindade é a doutrina acolhida pela maioria das igrejas cristãs que professa a Deus único preconizado em três pessoas distintas: o Pai, o Filho e o Espírito Santo, Trindade.

Ou seja, essa doutrina explica que Deus é somente um ser no qual se pode ser representado em três seres. Sim, é difícil explicar até mesmo isso. Um ser que na realidade são três seres. Isso é aceito por milhões cristões ao redor desse mundo. Mas, por quê?

A finalidade desse artigo é de mostrar de uma maneira muito simplesmente de que essa doutrina criada pelo homem é falsa. Não há necessidades de escrever várias páginas para mostrar que Deus não é um e ao mesmo tempo três pessoas diferentes.

“Eu e o Pai somos um”, João 10:30

Os que acreditam na Trindade frequentemente usam esse versículo para explicar que Deus é somente um. É claro, isso é falso. Pessoas que moram juntos por muitas décadas como casais também podem falar isso um de outro , não? Você já viu eles falarem que eles vivem juntos a tanto tempo que já sabem o que o outro esta pensando e até mesmo do jeito que um iria agir em certas circunstância. Um ditado no mundo que fala disso é: “cara de um, fusinho do outro”.

É mais do que óbvio o que Cristo falou aqui. Ele e Seu Pai têm vivido juntos por bilhões e não trilhões de anos juntos – já que tempo é espaço não significa nada se você é espírito; e lembra também que Deus criou tempo e espaço. Quando vive com outra pessoa por tanto tempo assim, é claro, você passa a entender precisamente o que o outro pensa e age.

 “Naquele dia conhecereis que estou em meu Pai, e vós em mim, e eu em vós”, João 14:20

 Jesus descreve claramente aqui que quando os que vivem igual a Deus tem tudo em comum. Veja que Jesus está em nós como também ele está em Deus. O que Ele está falando aqui é que quando os que vivem em Deus, esse tem o Espírito de Deus e esse age da mesma maneira em todos. Todos apesar de sermos seres diferentes, nós todos teremos a mesma mente em comum. Aqui está a razão do porque o apóstolo Paulo quando ele disse:

 Sede unânimes entre vós [mesma mente]; não ambicioneis coisas altas, mas acomodai-vos às humildes; não sejais sábios em vós mesmos”, Romanos 12:16.

 Rogo-vos, porém, irmãos, pelo nome de nosso Senhor Jesus Cristo, que digais todos uma mesma coisa, e que não haja entre vós dissensões; antes sejais unidos em um mesmo pensamento [mesma mente] e em um mesmo parecer [mesma maneira de ser]”, 1 Coríntios 1:10.

 “Completai o meu gozo, para que sintais o mesmo [mesma mente], tendo o mesmo amor, o mesmo ânimo, sentindo uma mesma coisa”, Filipenses 2:2.

 Mas, naquilo a que já chegamos, andemos segundo a mesma regra, e sintamos o mesmo”, Filipenses 3:16.

 “Rogo a Evódia, e rogo a Síntique, que sintam o mesmo no Senhor”, Filipenses 4:2.

 Pedro disse também a mesma coisa…

 “Ora, pois, já que Cristo padeceu por nós na carne, armai-vos também vós com este mesmo pensamento, que aquele que padeceu na carne já cessou do pecado”, 1 Pedro 4:1.

Não há dúvida aqui o que os apóstolos estão falando. Todos que vivem iguais a Deus vivem, pensam e agem da mesma maneira – tudo em amor. Sim todos nós somos seres diferentes uns dos outros, mas agimos conforme o amor de Deus.

 Em muitas escrituras Cristo fala de Seu Pai

 Há uma quantidade enorme de escrituras que Cristo fala de Seu Pai como sendo um ser totalmente independente Dele. Ele fala claramente de um ser que existe separado Dele e que este ser tem livre árbitro, ou seja, tem sua própria maneira de pensar – o que vai totalmente contrária a Trindade.

Apesar deste ser que Jesus se referi constantemente como Seu Pai e em algumas ocasiões como sendo o nosso Pai, vive separado Dele. Este Pai de todos nós como também de Jesus tem suas próprias responsabilidades que são diferentes de Jesus.

Os que acreditam na Trindade colocam toda a sua fé baseado em pouquíssimas escrituras e falam o que não entende como aquela que Cristo disse que o Pai vive Nele e Ele no Pai. É claro que eles são um, pois pensam e agem da mesma maneira que é a maneira do amor. Todos que vivem no amor agem da mesma maneira. Eles preocupam como o próximo mais do que neles mesmo.

 Vamos observar algumas escrituras onde Jesus fala de seu Pai…

 Todas as coisas me foram entregues por meu Pai, e ninguém conhece o Filho, senão o Pai; e ninguém conhece o Pai, senão o Filho, e aquele a quem o Filho o quiser revelar”, Mateus 11:27. Jesus declara claramente que existe o Pai separado Dele e que ninguém conhece Ele senão o próprio Filho.

E, indo um pouco mais para diante, prostrou-se sobre o seu rosto, orando e dizendo: Meu Pai, se é possível, passe de mim este cálice; todavia, não seja como eu quero, mas como tu queres”, Mateus 26:39. Cristo orou várias vezes a Seu Pai como mostra as escrituras. Nessa passagem aqui, Ele pede ao Pai que se for na vontade Dele que Ele não passe pela morte horrível que Ele teve.

“… se envergonhar de mim e das minhas palavras, também o Filho do homem se envergonhará dele, quando vier na glória de seu Pai, com os santos anjos”, Marcos 8:38. Jesus mostra claramente que o Seu Pai tem também Seus próprios anjos e Sua própria gloria que é diferente Dele.

Ao que vencer lhe concederei que se assente comigo no meu trono; assim como eu venci, e me assentei com meu Pai no seu trono”, Apocalipse 3:21. Jesus disse que Seu Pai também tem um trono como Ele também. Então estamos falando aqui de dois totalmente tronos diferentes. Jesus tem Sua própria gloria, anjos e trono como o Pai também tem Sua própria gloria, anjos e tronos.

“E eu vos destino o reino, como meu Pai mo destinou” , Lucas 22:29. Como o Pai deu um reino [ou autoridade] a Jesus, Jesus disse que dará também autoridade a todos aqueles que o segui e lhe ama como também a Seu Pai.

E ele lhes disse: Por que é que me procuráveis? Não sabeis que me convém tratar dos negócios de meu Pai?”, Lucas 2:49. Jesus veio para a terra para tratar dos negócios que o Pai Dele lhe deu. Disso não há dúvida pois Cristo fala em muitas escrituras que foi o Pai que lhe enviou…

Eu sou o que testifico de mim mesmo, e de mim testifica também o Pai que me enviou”, João 8:18.

 Jesus respondeu: Se eu me glorifico a mim mesmo, a minha glória não é nada; quem me glorifica é meu Pai, o qual dizeis que é vosso Deus.

E vós não o conheceis, mas eu conheço-o. E, se disser que o não conheço, serei mentiroso como vós; mas conheço-o e guardo a sua palavra”, João 8:54-55. Jesus mostra que Ele conhece o Pai. Que o Pai em um outro ser vivente e independente Dele. E que o Pai conhece Ele. Ele fala também que Ele guarda as palavras do Pai.

          “Assim como o Pai me conhece a mim, também eu conheço o Pai, e dou a minha vida pelas ovelhas. Ainda tenho outras ovelhas que não são deste aprisco; também me convém agregar estas, e elas ouvirão a minha voz, e haverá um rebanho e um Pastor. Por isto o Pai me ama, porque dou a minha vida para tornar a tomá-la. Ninguém ma tira de mim, mas eu de mim mesmo a dou; tenho poder para a dar, e poder para tornar a tomá-la. Este mandamento recebi de meu Pai”, João 10:15-18. Não há dúvida que Jesus veio a terra para fazer a vontade de Seu Pai; que Seu Pai deu testemunha disso nas obras que Jesus fazia. Que Jesus obedeceu os mandamentos de Seu Pai e foi só isso que Ele quis fazer nessa terra – Ele queria cumprir a missão que Seu Pai deu a Ele.

 Então…

 Realmente o que falar? Há muitas, mas muitas escrituras que comprovam sem a menor dúvida que o Pai é um ser totalmente diferente de Jesus. Que o Pai pensa e age diferente de Jesus. Veja o que Cristo disse, E Jesus lhes respondeu: Meu Pai trabalha até agora, e eu trabalho também”, João 5:17.

          Jesus declara também que Seu Pai [um ser diferente Dele] é mais forte do que Ele, “Ouvistes que eu vos disse: Vou, e venho para vós. Se me amásseis, certamente exultaríeis porque eu disse: Vou para o Pai; porque meu Pai é maior do que eu”, João 14:28.

          Sim não há dúvida, Jesus é um ser individual, o Pai é um ser individual. Os dois são unidos pelo Espírito Santo que é o poder de Deus. Está é a razão de o Pai estar em Jesus e Jesus no Pai. Se pensar e agir como eles agem e pensa, você estará em Jesus e Jesus em você.

Leave a comment

Deus é família

            É incrível perceber que muitos nem mesmo entendem quem Deus é. Não sabem do porque eles vivem. Muitos sabem que esse Deus criou a terra e o universo. Sabem também que Ele criou o ser humano. Por que o homem foi criado? Por que a mulher foi criada? Essas são perguntas que passam despercebidas pelo povo.

Foi Deus que criou o casamento e isso está bem claro nas escrituras, “Portanto deixará o homem o seu pai e a sua mãe, e apegar-se-á à sua mulher, e serão ambos uma carne”, Gênesis 2:24. Esta é a passagem que mostra que Deus criou o casamento. Os dois são uma só carne. Sim, são seres diferentes, mas eles são um. E eles devem falar como um. Sim, vai haver argumentos porque eles pensam diferentes, mas no final de tudo, eles falaram como um. Esta é a união perfeita de dois seres diferente. Apesar de diferentes, eles falam como uma carne.marriage

Isso não é nenhum mistério, pois foi falado até mesmo por Cristo. Observe o que, por exemplo, Jesus falou a quando ele quis conhecer o Deus Pai, “Se vós me conhecêsseis a mim, também conheceríeis a meu Pai… Disse-lhe Filipe: Senhor, mostra-nos o Pai, o que nos basta. Disse-lhe Jesus: Estou há tanto tempo convosco, e não me tendes conhecido, Filipe? Quem me vê a mim vê o Pai; e como dizes tu: Mostra-nos o Pai? Não crês tu que eu estou no Pai, e que o Pai está em mim? As palavras que eu vos digo não as digo de mim mesmo, mas o Pai, que está em mim, é quem faz as obras”, João 14:7-10. O que Cristo está falando claramente aqui é que duas pessoas que são diferentes mas pensam a mesma coisa são praticamente a mesma pessoa. Vocês já ouviram falar, por exemplo, de dois casais assim que viveram juntos por tanto tempo que praticamente pensavam a mesma coisa!

Assim deve ser entre os casais. Eles foram unidos no casamento e se tornaram um só carne, como Deus nos falou. Eles têm que fazer o possível para que o amor os una em Deus, em uma só carne, no coração e na mente. Tudo isso feito em Deus. O amor feito entre casal sem a participação de Deus, esse amor fracassará. Deus tem que ser amado primeiro para que o amor seja derramado de Deus para o casal – aqui está o amor perfeito e que fará deles uma só carne. Isso é um mistério que poucos entendem.

1. Pode o casal se tornar uma carne sem a presença de Deus?

Comentário: É claro que não. Apesar de Deus unir os casais e eles se tornarem uma só carne, eles não permanecerão como uma só carne se eles não ficarem perto de Deus. Na medida em que o casal começa a se distanciar de Deus, também a carne fará a mesma coisa. Depois que Deus juntar o casal em uma só carne, se eles ausentarem da presença de Deus, a carne irá se afastar uma da outra e chegará a um ponto onde a carne se separará por completo. E somente com a presença de Deus, obedecendo todas as palavras de Deus, que é garantido que os casais irão viver juntos e feliz para sempre. A carne se alegrará com a presença de Deus.

 Cristo é o esposo da igreja

             Notem por exemplo que o próprio Cristo é o esposo da igreja. Paulo fez essa analogia entre Cristo e a igreja (aqueles que amam e obedecem todas as palavras de Deus)…

             “Vós, mulheres, sujeitai-vos a vossos maridos, como ao Senhor;

             Porque o marido é a cabeça da mulher, como também Cristo é a cabeça da igreja, sendo ele próprio o salvador do corpo.

             De sorte que, assim como a igreja está sujeita a Cristo, assim também as mulheres sejam em tudo sujeitas a seus maridos.

             Vós, maridos, amai vossas mulheres, como também Cristo amou a igreja, e a si mesmo se entregou por ela…

             Para a apresentar a si mesmo igreja gloriosa, sem mácula, nem ruga, nem coisa semelhante, mas santa e irrepreensível.

     marriage couple       Assim devem os maridos amar as suas próprias mulheres, como a seus próprios corpos. Quem ama a sua mulher, ama-se a si mesmo.

             Porque nunca ninguém odiou a sua própria carne; antes a alimenta e sustenta, como também o Senhor à igreja;

            Porque somos membros do seu corpo, da sua carne, e dos seus ossos.

            Por isso deixará o homem seu pai e sua mãe, e se unirá a sua mulher; e serão dois numa carne.

            Grande é este mistério; digo-o, porém, a respeito de Cristo e da igreja”, Efésios 5:22-32.

Como disse Paulo grande é o mistério entre o marido e a mulher e Cristo e a igreja. A Bíblia mostra que Cristo é o marido e a igreja é a esposa. Novamente simbolizando um casamento, nesse caso, espiritual. O homem tem que tratar sua esposa do mesmo jeito que Cristo tratou a igreja e deu Sua vida por ela.

Quando Cristo vier, Ele pegará para Ele sua esposa (igreja – aqueles que vivem na palavra de Deus) e os levará para o céu para apresentá-los a Seu Pai em uma grande festa de casamento. Esse casamento, a apresentação dos que viveram nas palavras de Deus e que estão prontos a entrarem na família de Deus, pode-se achar nessas escrituras…

            “Então Jesus, tomando a palavra, tornou a falar-lhes em parábolas, dizendo: O reino dos céus é semelhante a um certo rei [Deus Pai] que celebrou as bodas de seu filho [Cristo]”, Mateus 22:1-2. Aqui mostra o que acontecerá no futuro e que haverá um casamento de Cristo com a igreja no Céu. Ou escrituras também falam isso, observe…

            “Regozijemo-nos, e alegremo-nos, e demos-lhe glória; porque vindas são as bodas do Cordeiro [Cristo], e já a suamarriage couple2 esposa [a igreja – àqueles que vivem conforme Deus – os filhos de Deus] se aprontou. E foi-lhe dado que se vestisse de linho fino, puro e resplandecente; porque o linho fino são as justiças dos santos. E disse-me: Escreve: Bem aventurados aqueles que são chamados à ceia das bodas do Cordeiro. E disse-me: Estas são as verdadeiras palavras de Deus”, Apocalipse 19:7-9.

Não podemos esquecer que o nosso próprio Salvador disse que Ele era o filho do Próprio Deus. Em muitos lugares nas escrituras, Cristo fala claramente que Ele foi enviado pelo Pai e que Ele estava fazendo as coisas que o Pai lhe disse e que Ele falava às coisas que o Pai lhe ensinou, note estas escrituras…

“E, se na verdade julgo, o meu juízo é verdadeiro, porque não sou eu só, mas eu e o Pai que me enviou”, João 8:16.

 “Disse-lhes, pois, Jesus: Quando levantardes o Filho do homem, então conhecereis que EU SOU, e que nada faço por mim mesmo; mas isto falo como meu Pai me ensinou”, João 8:28.

“Eu falo do que vi junto de meu Pai…”, João 8:38.

    Jesus é o primeiro nascido na Família de Deus

             As escrituras indica claramente que Jesus foi o primeiro nascido na família de Deus. Deus Pai está criando a Sua família e desde o tempo de Adão e Eva, Deus vem escolhendo àqueles que seguem todas as palavras de Deus porque eles amam a Deus e a tudo que Deus fala. Esses vivem por amor ao Deus vivo e muitos deram e darão suas vidas por Deus. Eles serão ressuscitados para a família de Deus…

             “… pela ressurreição os seus mortos; uns foram torturados, não aceitando o seu livramento, para alcançarem uma melhor ressurreição [primeira]; E outros experimentaram escárnios e açoites, e até cadeias e prisões. Foram apedrejados, serrados, tentados, mortos ao fio da espada; andaram vestidos de peles de ovelhas e de cabras, desamparados, aflitos e maltratados (Dos quais o mundo não era digno), errantes pelos desertos, e montes, e pelas covas e cavernas da terra. E todos estes, tendo tido testemunho pela fé, não alcançaram a promessa, Provendo Deus alguma coisa melhor a nosso respeito, para que eles sem nós não fossem aperfeiçoados”, Hebreus 11:35-40.

Sim todos estes, desde Abel até a volta de Cristo, que viveram, vivem e viverão de acordo com todas as palavras de Deus, eles serão ressuscitados por Cristo em Seu segundo retorno; Cristo os levarão para a presença do Pai onde serão apresentados ao Pai pela primeira vez. Este casamento no céu será magnífico e muito glorioso. Você será parte dele?

Nessa família sendo criada, Cristo foi o primeiro que entrou nela; sendo Ele o primeiro a ser ressuscitado nela, “E ele é a cabeça do corpo, da igreja; é o princípio e o primogênito [primeiro nascido] dentre os mortos [a igreja – os que vivem ou viveram conforme Deus], para que em tudo tenha a preeminência”, Colossenses 1:18.

             Não há como negar…

             JESUS ERA, e É, O FILHO DO DEUS VIVO – literalmente, e o PRIMEIRO ressuscitado dentre os muitos que ainda irão para família de Deus.

 Deus é uma família.

 

Leave a comment

Quem Era o Deus do Antigo Testamento?

Era Jesus o Deus do Antigo Testamento? 

Muitos de nós já vimos filmes de Moises e dos filmes da Bíblia onde um Deus conversa com eles. Mas quem está conversando com eles? A Bíblia nos fala? Estudemos.

Primeiro de tudo temos de saber quantos Deuses existem? Se não soubermos disso então seria impossível saber quem estava conversando com Moisés e os profetas. Observem…

 “E ouviu-se uma voz dos céus, que dizia: Tu és o meu Filho amado em quem me comprazo”, Marcos 1:11. Vemos também a mesma anotação em Mateus, “E, estando ele ainda a falar, eis que uma nuvem luminosa os cobriu. E da nuvem saiu uma voz que dizia: Este é o meu amado Filho, em quem me comprazo [muito feliz]; escutai-o”, Mateus 17:5. Note que estamos vendo aqui que existe um Pai falando com Seu filho. Está claramente descrito aqui que existem dois Deuses, um Pai e um Filho. Aqui cai por água abaixo a teoria da Trindade que diz que existe um só e ao mesmo tempo 3 Deuses distintos (Pai, Filho e Espírito Santo – o poder de Deus). Estudaremos o Espírito Santo em outros estudos.

Então já que temos um Pai e um filho, quem era o Deus do Antigo Testamento. Quem conversava com Moisés e Abraão e outros profetas? Note que nas palavras da Bíblia você verá que pelas próprias palavras de Jesus, sabemos quem é.

 “Disse-lhes Jesus: Em verdade, em verdade vos digo que antes que Abraão existisse, eu sou”, João 8:58. A tradutor não sabia que “eu sou” era o nome de Jesus ou teria escrito “Eu Sou” em maiúsculo. Jesus estava se referindo ao próprio nome dele. Moisés querendo saber o nome de Deus, o perguntou e esse Deus que falava com Ele, lhe disse, “E disse Deus a Moisés: EU SOU O QUE SOU. Disse mais: Assim dirás aos filhos de Israel: EU SOU me enviou a vós”, Êxodo 3:14. Veja claramente que Jesus disse a todos que Ele era o Deus do Antigo Testamento. Era Ele que falava com todos. Toda vez que Deus estava envolvido, era Jesus e não Seu Pai.

O Rei Davi e Paulo deu mais um testemunho confirmando que Jesus era o Deus do Antigo Testamento. Note as escrituras onde eles declaram que Jesus se tornou o nosso Sumo Sacerdote na ordem de Melquisedeque…

 “Jurou o SENHOR, e não se arrependerá: tu és um sacerdote eterno, segundo a ordem de Melquisedeque”, Salmos 110:4.

 “Assim também Cristo não se glorificou a si mesmo, para se fazer sumo sacerdote, mas aquele que lhe disse: Tu és meu Filho, Hoje te gerei. Como também diz, noutro lugar: Tu és sacerdote eternamente, Segundo a ordem de Melquisedeque. O qual, nos dias da sua carne, oferecendo, com grande clamor e lágrimas, orações e súplicas ao que o podia livrar da morte, foi ouvido quanto ao que temia. Ainda que era Filho, aprendeu a obediência, por aquilo que padeceu. E, sendo ele consumado, veio a ser a causa da eterna salvação para todos os que lhe obedecem; Chamado por Deus sumo sacerdote, segundo a ordem de Melquisedeque”, Hebreus 5:5-10. Note em outras escrituras: Hebreus 6:20; 7:1, 10-11,15,17.

 Não há dúvida, Jesus era o Deus do Antigo Testamento como é também do Novo Testamento.

 Adorai-O.

8 Comments