Archive for category Sacrifício Contínuo

Sangue de Yeshua Respingou na Arca da Aliança, Parte 6

Mensagem

Temos visto o local onde Yeshua morreu e crucificado. Vimos também o local onde Ele foi sepultado. Tudo aconteceu no Jardim da Sepultura, conhecido em Inglês como “The Garden Tomb“. Vemos que depois que morreu, um terremoto partiu as rochas e Seu sangue desceu numa profundidade de 6 metros e caiu justamente na Arca da Aliança que já estava neste lugar, logo abaixo de Yeshua, há 1000 anos. Vemos que a Arca estava dentro de uma caixa de pedra e que também Deus Pai, YaHoVaH, quebrou a tampa de pedra para que o sangue de Seu filho caísse do lado direito da Arca. Ouve depois um outro terremoto onde a fenda fechou e preservou o sangue de Yeshua. Vimos também que Ron fez analises de laboratório de uma mancha de sangue  que acabou sendo o próprio sangue de Yeshua. Yeshua só tem um cromossoma masculino que é diferente de todo homem que tem 22. Certamente, o Seu pai não era humano e que Ele foi concedido pelo Espírito Santo como diz as escrituras.

Vamos ver nesse vídeo mais evidencias do túnel subterrâneo de Ezequias. Qualquer pessoa pode viajar a Jerusalém e ver o túnel e até mesmo a parede de pedra que é o túnel que vem do Templo e vai até onde está a Arca.

Vídeo

Leave a comment

O Sangue de Yeshua Respingou na Arca da Aliança, Parte 4

Mensagem

Salomão em toda a sua sabedoria criou um sistema  hidráulico de areia para tirar a Arca da Aliança, O Altar de Incenso, A Mesa do Pão da Preposição e o Candelabro do Templo. Esse sistema subterrâneo é chamado de Túnel de Ezequias. Esse túnel tem aproximadamente 700 metros do templo até o local da crucificação que fica lo lugar chamado Caveira ou Gólgota. Hoje a Arca está no mesmo lugar onde Jeremias e os sacerdotes colocaram a mais de 2 mil anos.

Na Arca está o sangue do nosso Messias. De uma vez e para sempre o pecado foi pago com o Seu sangue depois que a pessoa se arrepende e muda o seu caminho para não pecar mais.

 

Sugestão

Vídeo: Festas da Primavera de Deus – Ep9 – O Esconderijo da Arca da Aliança

 

 

 

Leave a comment

O Pecado e o Sangue de Jesus

Um coisa que tem passado despercebida por nós foi o sangue de Jesus que foi derramado. O que aconteceu com o Seu sangue?

Muitos de nós entendemos que a morte de Yeshua foi para pagar pelos nossos pecados. Mas, não conseguimos entender como foi isso! Como pode ser isso? Para onde foi o sangue Dele quando Ele morreu. Lemos que sangue e água saiu Dele quando o soldado cortou Ele de lado, “Contudo um dos soldados lhe furou o lado com uma lança, e logo saiu sangue e água”, João 19:34. Mas, e daí? Como foi que o sangue Dele pagou pelos nossos pecados? Vemos que no Antigo Testamento, havia uma cerimonia onde o sangue de animais eram usados para pagar pelos pecados do povo. Será que o sangue de Jesus se espalhou para chão onde tanto homens como animais andavam por cima? Você acha mesmo que o Pai de Jesus deixaria isso acontecer? Que o sangue de Seu filho seria pisado debaixo dos pés de homens e animais? YaHoVaH nunca deixaria que isso acontecesse. Veremos isso nesse seriado.

No tempo do Sumo Sacerdote, havia cerimonias onde o sangue de animais pagavam pelo pecado do povo. Isso é claro tinha de ser feito pois, ao contrário do que o mundo ensina que Deus é tão bondoso e amoroso e tão misericordioso que Ele convive conosco no meio de nosso pecado porque Ele sabe que somos pecadores, isso não é mais do que uma mentira e falta de entendimento e conhecimento do nosso Deus.

Deus nunca conviveu, convive agora, e jamais conviverá com pecados. Ele nunca teve e nunca terá nenhum tipo de relacionamento com o pecado. Sendo assim, o pecador viverá sem Deus. Não estou falando dos que estão batalhando em eliminar o pecado da vida deles, como é o meu caso, estou falando daqueles que vivem e gostam de viver no pecado achando que Deus está numa boa com isso. Fazem isso porque não conhecem YaHoVaH.

YaHoVaH tem nos dado uma maneira de limpar os nossos pecados. Ele nos deu o sangue como uma forma de pagar pelos nossos pecados e voltar a ter um novo relacionamento com Ele. O sangue pode ser sempre usado para pagar pelos nossos pecados. Isto foi instituído quando Deus deu as leis e os mandamentos do Monte Sinai ao Seu povo, “Mas, se andarmos na luz, como ele na luz está, temos comunhão uns com os outros, e o sangue de Jesus Cristo, seu Filho, nos purifica de todo o pecado”, 1 João 1:7.

Entretanto, hoje temos o sangue do nosso Messias que pagou pelos nossos pecados. E todas as vezes que pecados e nos arrependemos, poderemos ir ao nosso Deus Pai e pedir perdão no nome (e consequentemente no sangue) do Seu filho Yeshua e nossos pecados serão perdoados. Então seguimos deste ponto em diante, onde Deus perdoou os nossos pecados, e paremos de pecar. Isso poderá acontecer quantas vezes for necessário ao arrependedor com remorso.

Começaremos um seriado onde vamos mostrar como essa instituição que Deus criou de usar o sangue para remissão dos pecados. Você ficará fascinado no que Deus tem mostrado ao Seu povo hoje em dia e que, possivelmente, ou pelo menos não está escrito na Bíblia, talvez mesmo os apóstolos ou qualquer pessoa de Deus antigamente, não sabia.

Que YaHoVaH te ilumine e abra seu conhecimento nos seus mistérios.

Leave a comment

O Sacrifício Contínuo, 4

O que é isso de parar o Contínuo em Dan 9 e Dan 12?

O Contínuo parará por causa das abominações do povo, Dan 9:27!

Isto significa o Israel físico; e muito mais; significa também o Israel espiritual; porque a Aliança Mosaica não existe mais e SOMENTE o Israel Espiritual é o povo de Deus hoje!

2 Tess 2:3, “Ninguém de maneira alguma vos engane; porque não será assim sem que antes venha a apostasia, e se manifeste o homem do pecado, o filho da perdição”.

A apostasia significa que há um povo que é fiel e que mais tarde se perderão.

A apostasia continua a acontecer: agora vemos que a apostasia está alcançando seu top!

Escrevendo em geral sobre a nação toda que são os Chamados, muitos desses que se chamam de povo de Deus rotinamente poluem o Sábado e os Dias Santos; eles fazem adultério espiritual fazendo idolatria de homem e corporações como a autoridade máxima moral em vez da palavra de Deus e Seus mandamentos. Eles ficam alegres em dizer que observam os mandamentos de Deus, justificando e comprometendo que é rebelião; frequentemente.

Nós nos apoiamos em Católicos e outros tipos de escritas pagãs e comentários para apoiar nossas posições em vez da Palavra de Deus; cometendo fortificação espiritual com Jezabel e suas filhas. Apoiamos em nossas tradições passadas, recusando a corrigir erros, ou aceitar a verdade quando ela é revelada. Chamamos o mal de bom, e chamamos o bom de mal; perseguimos os fieis por chamá-los de egocêntricos, Fariseus ou amargo.

Nós não clamamos a mensagem de ARREPENDIMENTO a pecados específicos, até mesmo dentro de nossos próprios grupos. Podemos até dizer “arrependa”, mas de que pecado? Não podemos chamar o arrependimento porque nós mesmos recusamos a arrepender e manter os mandamentos de Deus com zelo. Estamos cheios de enganos, política e luta para o poder em nossos meios, como também os pastores que estão alimentando eles mesmos em vez das ovelhas.

E em geral, estamos totalmente cegos de nossas iniquidades. Apoc 3:15, “Conheço as tuas obras, que nem és frio nem quente; quem dera foras frio ou quente! Assim, porque és morno, e não és frio nem quente, vomitar-te-ei da minha boca. Como dizes: Rico sou, e estou enriquecido, e de nada tenho falta; e não sabes que és um desgraçado, e miserável, e pobre, e cego, e nu”.

Jesus Cristo irá PARAR de interceder pelo Seu povo porque Ele irá vomita-los de Seu corpo!

Isto é o que significa PARAR a oferta intercessora da oferta do Sacrifício Contínuo – ele significa o sacrifício de Cristo diariamente e Suas interseções por nós perante o Pai por causa de todas as nossas abominações.

“E ele firmará aliança com muitos por uma semana; e na metade da semana fará cessar o sacrifício e a oblação; e sobre a asa das abominações virá o assolador, e isso até à consumação; e o que está determinado será derramado sobre o assolador”, Daniel 9:27.

A Nova Aliança é uma aliança de casamento em o Cordeiro de Deus. Durante a primeira invasão e destruição de Jerusalém, Jesus Cristo confirmará a Aliança com seu povo preservando e protegendo-os por 1.260 dias, Apoc 12:1-6, “E viu-se um grande sinal no céu: uma mulher vestida do sol, tendo a lua debaixo dos seus pés, e uma coroa de doze estrelas sobre a sua cabeça. E estava grávida, e com dores de parto, e gritava com ânsias de dar à luz. E viu-se outro sinal no céu; e eis que era um grande dragão vermelho, que tinha sete cabeças e dez chifres, e sobre as suas cabeças sete diademas. E a sua cauda levou após si a terça parte das estrelas do céu, e lançou-as sobre a terra; e o dragão parou diante da mulher que havia de dar à luz, para que, dando ela à luz, lhe tragasse o filho. E deu à luz um filho homem que há de reger todas as nações com vara de ferro; e o seu filho foi arrebatado para Deus e para o seu trono. E a mulher fugiu para o deserto, onde já tinha lugar preparado por Deus, para que ali fosse alimentada durante mil duzentos e sessenta dias”.

Nesses dias haverá uma guerra no céu, Apoc 12:7, e será seguida rapidamente pela REJEIÇÃO da do grupo das Igrejas de Deus espalhadas por esse mundo: PARARÁ a intercessão do Sacrifício Contínuo de Cristo!

Depois que esses grupos terem sido vomitados como está escrito em Apoc 3, então muitos indivíduos se arrependerão e voltarão ao Eterno. Eles serão levados ao lugar preparado por um segundo 1.260 dias; enquanto aqueles que foram rejeitados sejam corrigidos.

Muitos dessas pessoas estão cheios de amor pelo seu grupo e pelos irmãos e até pela humanidade. Muitos dessas pessoas são pessoas boas que muitos gostariam de conhecer. Eles são gentis, compreensíveis e amáveis; mas há um grande problema. Eles têm colocado o segundo grande mandamento em frente do primeiro grande mandamento, e o foco deles foram perdidos devido ao fato que eles perderam o zelo da palavra e mandamento de Deus.

É uma coisa muito triste ver que estas pessoas que são maravilhosas com tanto amor pelos os irmãos que eles ficaram morno pelas leis de Deus. Os mandamentos de Deus são somente alguma coisa que são falada superficialmente porque eles estão mais interessados no aspectos sociais dos irmãos da igreja.

Quando eles acordarem na tribulação, ficarão em choque. Devido a correção da tribulação, muitos se arrependerão e com um novo zelo serão transformados como disse Paulo.

O Pai é tão maravilhoso em Sua sabedoria que Ele sabe não somente como salvar Seu povo mas como faze-los perfeitos!

Este mundo está cheio de abominações, e temos que ser o sal da terra. Temos PERDIDO o nosso paladar ao nosso Deus! O mundo inteiro, o físico Israel e os Gentios, têm que enfrentar a raiva de Deus por nossas iniquidades e abominações.

PARAR O SACRIFÍCIO CONTÍNUO É A RESPEITO DA REJEIÇÃO DA IGREJA [NAÇÃO] DE DEUS POR CAUSA DA APOSTASIA E O AUMENTO DE SUAS ABOMINAÇÕES!

Dan 12:11, “E desde o tempo em que o sacrifício contínuo for tirado, e posta a abominação desoladora, haverá mil duzentos e noventa dias”.

Note que o Contínuo será removido e a abominação iniciada.

Não é a abominação que remove o Contínuo! É o Contínuo que está segurando a abominação e deve ser removida para que abra o caminho para a abominação começar!

Isto foi referido por Paulo quando falou que a abominação está segura até o tempo designado.

“E agora vós sabeis o que o detém, para que a seu próprio tempo seja manifestado. Porque já o mistério da injustiça opera; somente há um que agora resiste até que do meio seja tirado”, 2 Tessalonicenses 2:6-7.

Por que toda a assembleia dos Chamados tem se tornado morno e cheia de abominações e pecados não arrependidos; ela será rejeitada por Cristo com está escrito em Apoc 3; depois Cristo confirmará a Nova Aliança com os fieis espalhados, preservando-os enquanto o resto da maioria serão corrigidos.

O sacrifício de Cristo é colocado em nós de uma maneira pessoal depois do arrependimento!

O Contínuo é aqueles sacrifício que o Sumo Sacerdote faz para nós COMO UMA NAÇÃO ESPIRITUAL OU EKKLESIA!

No tempo designado, a benção e o que está resistindo representado pelo Contínuo SERÃO REMOVIDOS e a abominação começará com os milagres do profeta falso em Roma.

Leave a comment

O Sacrifício Contínuo, 3

O Sacrifício Contínuo

“Isto, pois, é o que oferecereis sobre o altar: dois cordeiros de um ano, cada dia, continuamente.
Um cordeiro oferecerás pela manhã, e o outro cordeiro oferecerás à tarde. Com um cordeiro a décima parte de flor de farinha, misturada com a quarta parte de um him de azeite batido, e para libação a quarta parte de um him de vinho, E o outro cordeiro oferecerás à tarde, e com ele farás como com a oferta da manhã, e conforme à sua libação, por cheiro suave; oferta queimada é ao SENHOR. Este será o holocausto continuo por vossas gerações, à porta da tenda da congregação, perante o SENHOR, onde vos encontrarei, para falar contigo ali”, Êxodo 29:38-42.

O Contínuo era:

*1) Oferecer duas vezes por dia; uma a noite e o outro de manhã.

*2) Foi oferecido pelo Sumo Sacerdote pela nação.

*3) Era um Cordeiro.

*4) Foi uma oferta queimada.

*5) Foi oferecida na porta do Tabernáculo.

*6) O Contínuo foi oferecido junto COM a oferta de Alimento e bebida.

O Contínuo foi oferecido pelo Sumo Sacerdote pela nação.

O Sumo Sacerdote é agora Jesus Cristo; e a nação é agora a Ekkelsia espiritual dos chamados. Aquelas coisas da Aliança Mosaica eram sombras das coisas espirituais da Aliança Nova.

O Cordeiro era oferecido duas vezes por dia, representado por Jesus Cristo como a Ovelha da Deus, oferecendo Ele mesmo de dia e de noite para preencher os dois grandes princípios da lei [serviço de Deus e homem], como sendo o Sumo Sacerdote do Pai e o Sumo Sacerdote da Ekklesia; intercedendo entre os dois e reconciliando a Ekklesia [Chamados] ao Pai, assim como também reconciliando cada pessoa.

A Oferta Queimada representa a serviço de Cristo em dar Ele mesmo [como o cordeiro totalmente queimado] a serviço do Deus e do homem, como sendo muito agradável ao Pai; o incenso é uma coisa bem agradável ao Pai.

A Oferta de Alimento e Bebida mostra que Cristo totalmente se dedicou e foi consumido no serviço; com o corpo e vida; o próprio Pão de Vida e Sangue de Vida, simbolizado pelo Alimento e Vinho.

Este sacrifício [como todos os sacrifícios] foi oferecido para ajudar a explicar o serviço de Cristo; e também como um exemplo que nós também devemos servir ao Pai PRIMEIRO e depois a nosso vizinho, como sendo os dois grandes princípios da lei.

Este sacrifício foi oferecido na porta do tabernáculo representando a própria porta dos corações da Ekklesia [aqueles que agora são o templo de Deus]; mostrando Cristo na porta e intercedendo por nós com o Pai.

A responsabilidade da obra de Cristo em interceder pelos indivíduos arrependidos; confirma a Nova Aliança como os fieis que guardam as palavras e mandamentos de Deus.

Note: o Templo físico será construído em Jerusalém durante o milênio e o sistema de sacrifício será iniciado, Ezequiel 40-48.

Estas coisas serão lições para revelar o total serviço que o Pai e Cristo fez pelo povo!

Neste tempo, os significados de todos esses sacríficos serão explicados ao povo. Isso será o NOSSO trabalho!

Leave a comment

O Sacrifício Contínuo, 2

A Oferta de Primeiros-Frutos na Pentecoste, Lev 23:15-21

Cinquenta dias depois da Oferta de Movimento, temos dois pães (mostrando um AUMENTO acima do primeiro pão que foi a Oferta de Movimento) e ambos os pães tem fermento [levedados], v. 17 – um tipo de pecado.

Estes dois pães não mostram Cristo e os primeiros-frutos das obras de Cristo da humanidade para o Pai.

Depois, vem a OFERTA QUEIMADA das sete ovelhas, mostrando Cristo completamente pronto a obedecer humildemente ao Pai e interceder pelos fieis como um incenso suave ao Pai. O incenso mostra a atitude e obra de Cristo subindo ao Pai e O agradando-O.

Esta é a festa dos Primeiros-Frutos [Pentecoste] que também mostra os primeiros frutos dos exemplos de Cristo a serviço do Pai.

Então um boi mostra o serviço poderoso de Cristo, junto com a oferta de Bebida e alimento – mostrando Cristo dando Ele mesmo e entregando Sua vida; totalmente a Seu Pai e por Sua criação. Depois você deve sacrificar um bode pela oferta de pecado, claramente mostrando Cristo carregando os pecados dos Primeiros-Frutos.

Finalmente, depois que o pecado for expiado (o pecado sendo representado pelos dois pães), vem a Oferta Pacificadora de dois cordeiros; mostrando que os dois pães dos Primeiros-Frutos estão agora em paz e harmonia com Deus.

O simbolismo da OFERTA DE MOVIMENTO, que deve ser movimentada antes de Deus, para ser aceita por você; é um dos serviços e perfeição de Cristo, sem ter de jeito nenhum qualquer tipo de pecado.

A OFERTA DE PRIMEIRO FRUTO DE PENTECOSTE na qual tem que ser apresentada a Deus; é uma de imperfeição e poluída do homem; sendo assim requeri que seja expiada, antes de ser trazida perante o Pai.

Chamados de Deus, alguns dias seremos sacerdotes de Deus. Nós aprendemos mais da Palavra de Deus quando aprendemos a LEI SACRIFICIAL que Deus tem considerado necessário a preservá-la para nós. A Bíblia esta cheia desta verdade fascinante, ser simplesmente procurarmos ela. Como verdadeiramente linda e magnífica a Palavra de Deus!

Primeiro, há os sacrifícios comandado a ser oferecidos pelo Sumo Sacerdote para toda a nação. Isto inclui as ofertas dos Festivais, as ofertas do Sábado e da Lua Nova; e o anoitecer e amanhecer do Sacrifício Contínuo.

O Segundo grupo de sacrifícios são aqueles que são oferecidos pelo povo e suas ofertas pessoais.

Ambos os grupos de ofertas refletem a obra de Cristo e a expiação de Seu maior sacrifício. O primeiro aspecto foi o povo da aliança, como um grupo ou a nação inteira; e o outro, a obra de Cristo é para cada pessoa individual.

No Domingo da Oferta de Movimento, quando que Cristo foi ressuscitado e subiu ao Pai para presentear Ele mesmo como sendo a oferta por nós; Cristo se tornou Sumo Sacerdote e nosso SOMENTE intercessor com o Pai. Nenhuma corporação ou igreja pode ficar entre nós e o Pai a não ser que os deixamos; para deixar alguém entrar em nós e o Pai cometemos o pecado da idolatria.

É a responsabilidade do Sumo Sacerdote:

*1) Interceder pelo povo de Deus, e

*2) oferecer o sacrifício comandado para todo o povo como um grupo;

*3) e colocar Seu sacrifício individual ao arrependido.

Jesus Cristo tem se tornado NOSSO Sumo Sacerdote e Intercede por nós com o Pai, AMBOS de maneira individual como também para toda a nação em si.

Com a aceitação de Cristo pelo Pai, o Templo em si foi mudado de um local físico para um local espiritual que fica dentro do homem; e o sistema sacrificial foi totalmente mudado para uma realidade espiritual também.

Como o templo e a aliança foi mudada para um aliança espiritual, hoje a Ekklesia [os chamados] é  a nação de Deus, cada pessoa como um cidadão dessa nação espiritual dessa nova aliança!

1 Pe 2:9, “Mas vós sois a geração eleita, o sacerdócio real, a nação santa, o povo adquirido, para que anuncieis as virtudes daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz”.

No Reino um novo Templo Físico e sacrifícios acontecerão novamente, como um demonstração da realidade espiritual. Hoje em dia não há esse templo físico ou sacrifícios físicos acontecendo.

Cristo virá a Seu templo: Seu povo!

Ele está intercedendo pelos que foram chamados, Ekklesia, e também intercede por cada pessoa individual; diariamente e continuamente perante o Pai como nosso ÚNICO Sumo Sacerdote e Intercessor!

Leave a comment

O Sacrifício Contínuo

Para estudarmos melhor o Sacrifício Contínuo; devemos primeiro estudar o Sacrifício mesmo como uma fundação para depois podermos explicar o Contínuo.

O Sistema de Sacrifício e o Contínuo são bastante interessantes! Eles são comida espiritual solidas que devem ser entendidos.

O Contínuo é vital para o entendimento em contexto com profecia; já que é o último teste antes da tribulação – por enquanto este Contínuo ainda não está sendo feito, mas será os finais dos tempos.

Dan 12:10, “Muitos serão purificados, e embranquecidos, e provados; mas os ímpios procederão impiamente, e nenhum dos ímpios entenderá, mas os sábios entenderão”.

A Lei Vital do Sacrifício: Essa é uma das leis mais obscura e negligenciada e mal entendida, o sistema de sacrifício. Por que? Satanás odeia o Sistema de Sacrifício; ele faz tudo que pode para fazer com que o homem não goste desse sistema. Ele procura jeito de esconder esse sistema para que o homem possa pensar que não existe mais esse sistema e que nem vale estudar. Ele quer que o homem pense que é uma coisa repugnante e sanguínea. Fazendo isso, ele esconde o fato que o Deus de Israel é um Deus de Amor.

PROPÓSITO DO SISTEMA DE SACRIFÍCIO

Antigamente satanás rebelou contra Deus e um terço dos anjos o seguiu, “E viu-se outro sinal no céu; e eis que era um grande dragão vermelho, que tinha sete cabeças e dez chifres, e sobre as suas cabeças sete diademas. E a sua cauda levou após si a terça parte das estrelas do céu, e lançou-as sobre a terra; e o dragão parou diante da mulher que havia de dar à luz, para que, dando ela à luz, lhe tragasse o filho”, Apocalipse 12:3-4.

Durante essa rebelião, uma grande luta aconteceu. Satanás estava tentando se levantar e exaltar a si mesmo sobre Deus; Ele não queria ser jogado para baixo! “Como caíste desde o céu, ó estrela da manhã, filha da alva! Como foste cortado por terra, tu que debilitavas as nações! E tu dizias no teu coração: Eu subirei ao céu, acima das estrelas de Deus exaltarei o meu trono, e no monte da congregação me assentarei, aos lados do norte. Subirei sobre as alturas das nuvens, e serei semelhante ao Altíssimo. E contudo levado serás ao inferno, ao mais profundo do abismo”, Isaías 14:12-15.

Satanás foi jogado para baixo uma vez; e ele será jogado de volta para baixo mais uma vez antes da grande tribulação, “E foi precipitado o grande dragão, a antiga serpente, chamada o Diabo, e Satanás, que engana todo o mundo; ele foi precipitado na terra, e os seus anjos foram lançados com ele. E ouvi uma grande voz no céu, que dizia: Agora é chegada a salvação, e a força, e o reino do nosso Deus, e o poder do seu Cristo; porque já o acusador de nossos irmãos é derrubado, o qual diante do nosso Deus os acusava de dia e de noite. E eles o venceram pelo sangue do Cordeiro e pela palavra do seu testemunho; e não amaram as suas vidas até à morte. Por isso alegrai-vos, ó céus, e vós que neles habitais. Ai dos que habitam na terra e no mar; porque o diabo desceu a vós, e tem grande ira, sabendo que já tem pouco tempo”, Apocalipse 12:9-12.

Podemos ver a evidência desta luta na condição de nossos planetas e lua. E na situação de que ele foi primeiro jogado na terra e bem possível que a terra se encontrará na mesma situação quando ele for jogado de volta aqui pela segunda vez. Teremos que ter uma reconstrução na terra similarmente a de Gênesis.

DEUS NÃO QUER QUE TENHAMOS OS MESMOS TIPOS DE CONFLITOS

Entretanto, Deus tem feito o homem de carne e osso para que ele possa aprender as consequências e peso do pecado; sem destruir o universo! Então esse homem feito de carne e osso não teria poderes como os anjos e espíritos; o poder de destruir. Homem e suas habilidades de destruição foram limitados para essa terra, até que ele possa aprender o caminho da paz.

A lei de Deus revela o caminho da paz, harmonia e prosperidade. Quebrando os princípios revelados pela lei; aponta para a destruição, violência e morte. Homem DEVE aprender essa lição. Ele DEVE aprender através da experiência amarga a VERDADE do que Deus está tentando nos ensinar.

Para ensinar essas coisas, Deus tem no dado o caminho da paz; Sua lei. Ele está agora no deixando ter a experiência para que no futuro possamos tomar decisões inteligentes, informativas em nosso comportamento. O Sistema de Sacrifício é a lição terceira neste aprendizado.

O propósito desse Sistema de Sacrifício é para nos demostrar, repetidamente, que o pecado nos traz morte. E que para evitar a morte; DEVEMOS PARAR DE PECAR: DEVEMOS SEGUIR OS PRINCÍPIOS QUE NOS LEVA A VIDA [A LEI DE DEUS]. Deus não precisa lhe matar porque quebrou a Sua lei. O próprio ato do pecado fará isso a você. A lei de Deus nos leva a vida; quebrando essa lei o resultado é a morte. NÓS TEMOS QUE APRENDER ESSA LIÇÃO.

O Deus todo-poderoso poderia simplesmente dizer que seus pecados estão perdoados. Mesmo assim Ele requereu a morte de Seu próprio e único filho para que seus pecados fossem perdoados; mas por quê? Para mostrar claramente que o pecado CAUSA A MORTE.

Precisamos aprender que a lei de Deus define o caminho da VIDA e que quebrar esses princípios nos leva a MORTE. Deus nos deu Seu filho para que aprendamos essa lição; e o sistema de sacrifício é uma forma legal de salvação. A Lei de Sacrifício usa a morte de Jesus Cristo para expiação de nossos pecados, de toda a humanidade! Ela nos mostra que o pecado leva a morte e que a única coisa que possa nos livrar da morte e o arrependimento de nossos pecados.

A LEI DE SACRIFÍCIO: É A LEI QUE ALCANÇA A SALVAÇÃO POR TODA HUMANIDADE. Não é um mistério porque satanás odeia tanto ela.

O Sistema de Sacrifício acabou?

Se isso for verdade, não há mais sacrifício pelo pecado! O sistema não acabou! Todos os aspectos desse sistema estão diretamente conectados ao sacrifício de Jesus Cristo.

Quando você se arrepende e pedi o sacrifício de Cristo para ser aplicado na gente e que nossos pecados sejam perdoados, estamos oferecendo: um sacrifício de pecado, um holocausto, um sacrifício pacífico, uma oferta de libação [bebida], e sacrifício voluntário.

Estamos preenchendo todos os requisitos do Sistema de Sacrifício; através de Jesus Cristo, Apoc 13:8: “E adoraram-na todos os que habitam sobre a terra, esses cujos nomes não estão escritos no livro da vida do Cordeiro que foi morto desde a fundação do mundo.”  1 Cor 5:7, “Alimpai-vos, pois, do fermento velho, para que sejais uma nova massa, assim como estais sem fermento [livre do pecado]. Porque Cristo, nossa páscoa, foi sacrificado por nós”.

Hoje observamos o sistema de sacrifício: ao arrependermo-nos e irmos perante o Pai com nosso sacrifício magnífico; que todos os outros sacrifícios eram somente sombras do verdadeiro. O sacrifício mais magnífico e maior de todos que nem há comparação para a expiação de nossos pecados: o sacrifício do nosso Deus Criador, Jesus Cristo.

Temos um lembrete especial disso anualmente na Páscoa. Mas, é bem verdade que Cristo preencherá este papel de nosso sacrifício e nosso Sumo Sacerdote CADA VEZ que nos arrependemos de nossos pecados e pedimos para sermos perdoados pelo sacrifício de nosso Salvador.

Sendo perfeito, Ele precisou morrer somente uma vez: Seu Sacrifício pode ser APLICADO todas as vezes que nós arrependemos. Isto não é aplicado para o pecado habitual. Arrependemos significa PARA de PECAR; entretanto podemos ocasionalmente cair em nosso processo de aprendizado, e toda a humanidade não se arrepende de uma só vez; todavia a Lei do Sacrifício precisa estar no lugar para que possa estar disponível para TODA a humanidade!

A Lei do Sacrifício foi dada para nós: uma Lei de Amor; dada por Deus do amor. Para que o pecado seja expiado e perdoado, e para ensinar-nos uma lição que nos traz paz, harmonia e prosperidade por toda a eternidade!

Este SISTEMA DE SACRIFÍCIO pode ser dividido entre duas categorias, com sete tipos diferentes de sacrifícios. Cada um mostra um papel importante da expiação dos pecados por Jesus Cristo como nosso Sumo Sacerdote e sacrifício.

Os dois tipos de categorias são:

*1) Sacrifício feitos através de indivíduos, tal como a Páscoa e outros sacrifícios pessoas e ofertas; e

*2) O Sacrifícios feitos pelo Sumo Sacerdote pela NAÇÃO INTEIRA.

Cada indivíduo tem que fazer sacrifícios em certas situações e pode fazê-lo a qualquer hora. Estes vários tipos de sacrifícios mostram o sacrifício de Cristo por nós como ofertas individuais. Isto é o uso do sacrifício para a pessoa arrependida.

O Sumo Sacerdote é que faz o sacrifício para TODA A NAÇÃO; nos Festivais anuais, Núm 28:16-31; no SábadoNúm 28:9-10; na Lua NovaNúm 28:11; e também na Oferta Diária, Núm 28:1-8. São estes sacrifícios que consagraram estas ocasiões.

Estas duas categorias refleti o fato que Jesus Cristo agiu por cada um de nós; e para nossa nação como um todo.

Os sete tipos de Sacrifícios são?

*1) A Oferta do PECADOLev 4. Este sacrifício era para limpar o pecado arrependido.

*2) A Oferta de holocaustoLev 5. Este é para expiar os pecados cometidos em ignorância.

*3) A Oferta QueimadaLev 1. Este animal tinha de ser queimado totalmente e seu aroma subiria a Deus, v. 9; este é feito voluntariamente a Deus como dedicação.

*4) A Oferta de AlimentosLev 2. Isto representa o corpo de Cristo como o Pão de vida e também representa o corpo de Cristo apresentado e sacrificado a serviço a Deus.

*5) A Oferta de Libação [ bebida], Êx 29:40. Esta oferta de vinha sendo derramado mostra o sangue de Jesus Cristo, e Sua total vontade de servir ao Pai até mesmo no Sua morte.

*6) A Oferta PacificadoraLev 7:28. Este sacrifício mostra o homem em paz e harmonia com Deus; depois que todos os seus pecados foram expiados e o homem procura agradar a Deus.

*7) A Oferta VoluntáriaDeut 23:23. Este sacrifício era dado a todos que tinha em abundância e alegria. Este era geralmente feitos nos Festivais de Deus.

OS SACRIFÍCIOS DE ANIMAIS

O Boi: simboliza força e poder, demostrando Jesus Cristo, amando e servindo o Seu Pai com toda a Sua força. Mostrando um exemplo que devemos servir a Deus com todo o nosso coração e força também.

O Cordeiro: mostra humildade, confiança e desejo de seguir; mostrando que Jesus estava decidido a seguir o Seu Pai e fazer Seu desejo até ao ponto de dar Sua própria vida pela Sua criação. E isto é um exemplo para nós; que devemos acreditar, confiar e ter a fé absoluta no Pai como Seus filhos pequeninos, como Cristo teve.

O Carneiro: lidera e protege o rebanho, sendo assim revelando sua liderança e proteção carinhosa que Cristo mostrou para Seu rebanho. O mesmo tipo de serviços carinhoso que devemos ter com o Pai e Cristo no carinho pelo Seu rebanho, que são os irmãos e família.

O Pombo: É universalmente considerado como um símbolo de amizade, paz e harmonia; refletindo o amor de Deus que não tem culpa ou amargura como os outros; e a paz interna que é o fruto de tudo que é verdadeiro de Deus.

A Cabra: mostra o pecado sendo começado; porque Cristo irá dividir as ovelhas das cabras, o santo do profano. Este animal mostra Cristo sendo o pecado por nós e levando consigo mesmo os pecados do mundo no Dia de Expiação.

ESTE EXEMPLO DE COMO DEVEMOS ENTENDER AS ESCRITURAS ATRAVÉS DO SISTEMA DE SACRIFÍCIO PODE SER MOSTRADO ATRAVÉS DA OFERTA DE MOVIMENTO E MAIS TARDE A OFERTA DOS PRIMEIROS-FRUTOS.

Lev 23:9-13. O CORDEIRO é oferecido como uma OFERTA QUEIMADA; mostrando o coração que está totalmente virado a Deus, não há pensamento de pecado.

A OFERTA DE MOVIMENTO é a OFERTA DE ALIMENTOS no qual misturada com óleo (um tipo do Espírito de Deus); Toda a OFERTA DE ALIMENTO tem que ser sem fermento (exceto a OFERTA DE PENTECOSTE DE PRIMEIROS-FRUTOS); mostrando que Cristo é o nosso perfeito pão de vida.

O alimento (farinha) tem que ser limpa e perfeita e sem mistura de outros ingredientes simbolizando o corpo de Cristo como o Pão de vida!

Aqui está a razão do porque é muito errado que compremos farinha com algun tipo de mistura para fazermos o pão sem fermento da Páscoa. É somente uma maneira impropria e falsa de observarmos a Páscoa com estes tipos de pão.

A OFERTA DE LIBAÇÃO (BEBIDA) do vinho mostra o sangue de Cristo sendo dado a serviço de Deus. Esta oferta mostra a perfeição de Jesus Cristo sendo oferecido para que Ele seja aceito por nós, Lev 23:11.

O PÃO E O VINHO DA Páscoa não eram novos símbolos de maneira alguma. Eles foram símbolos do sistema de sacrifício original nos tempos antigos. Cristo não adicionou novos símbolos; Ele simplesmente levou a atenção da gente a estes símbolos que já estavam escritos na lei.

Leave a comment