Arquivo para categoria Dias Santos da Primavera

Novos videos das Festas da Primavera de Deus

Estes vídeos das Festas santas de Deus, os dias que Deus reservou para encontramos com Ele são sombras de imagens proféticas de boas coisas vindouras. Um judeu entende essas Festas, ou dias marcados, perfeitamente pois eles celebram já por milhares de anos e está bem aprofundado na cultura deles.

Para nós, gentios, a gente que não nascemos e crescemos em Israel, tudo isso é muito novo. É muito bom ter um rabino, um professor hebraico, que nos ensina as coisas de Deus já que Deus mesmo tem escolhido Jerusalém como sendo a sua cidade e até está fazendo uma Nova Jerusalém como Ele mesmo falou, “A quem vencer, eu o farei coluna no templo do meu Deus, e dele nunca sairá; e escreverei sobre ele o nome do meu Deus, e o nome da cidade do meu Deus, a nova Jerusalém, que desce do céu, do meu Deus, e também o meu novo nome”, Apocalipse 3:12.

pergaminhos“E eu, João, vi a santa cidade, a nova Jerusalém, que de Deus descia do céu, adereçada como uma esposa ataviada para o seu marido”, Apocalipse 21:2.

Aprender as palavras de Deus que Ele deu aos cuidados do povo hebraico (Moisés, Rei Davi, os profetas, os sacerdotes, etc) são importantíssimos, aliás, é só o que interessa nessa vida. Conheça o seu Deus. Você o conhecerá através das Festas santas que Ele criou mostrando o plano Dele para o ser humano.

Deixe um comentário

O Sétimo Sábado depois da Oferta de Movimento, Lev 23:15

Hoje é o sétimo sábado, ou 49 dias, depois da Oferta Movida. Amanhã, no domingo, serão cinquenta dias depois esta Oferta. Amanhã, celebraremos uma outra festa do Senhor, a Festa de Pentecoste, ou Shavot.

Mas, quando devemos começar a contar o Sábado?

As escrituras falam bem claro quando devemos começar a contar. Devemos começar a contar 7 sábados após o domingo da Oferta Movida que acontece na Festa dos Pães Asmos. Observe…

“E aos quinze dias deste mês é a festa dos pães ázimos [Festa dos Pães Asmos] do Senhor… e fizerdes a sua colheita, então trareis um molho das primícias da vossa sega ao sacerdote; E ele moverá o molho [Oferta Movida] perante o Senhor… no dia seguinte ao sábado [ou seja, no Domingo] “, Levítico 23:6-12

depois desse domingo, começamos a contar os sábados…

“Depois para vós contareis desde o dia seguinte ao sábado [no domingo], desde o dia em que trouxerdes o molho da oferta movida; sete semanas inteiras serão”, Levítico 23:15.

“Até ao dia seguinte ao sétimo sábado, contareis cinqüenta dias; então oferecereis nova oferta de alimentos ao Senhor”, Levítico 23:16.

Amanhã vai ser 50 dias depois da Oferta Movida. Amanhã será um dia santo: A Festa de Pentecoste ou, em Hebreu, Shavot.

Deixe um comentário

“… ao sétimo dia haverá santa convocação…”, Levítico 23:8

Hoje estamos celebrando o sétimo dia de Pães Asmos. Por sete dias, começando no dia 15, no mês de Abibe – o primeiro mês do calendário divino onde ouve o amadurecimento da cevada em Israel. Isto é o mandamento de Deus para nós.

“E aos quinze dias deste mês é a festa dos pães ázimos do Senhor; sete dias comereis pães ázimos. No primeiro dia tereis santa convocação; nenhum trabalho servil fareis; Mas sete dias oferecereis oferta queimada ao Senhor; ao sétimo dia haverá santa convocação; nenhum trabalho servil fareis”, Levítico 23:6-8.

passoverbreadTemos que comer pães asmos que são pães sem fermento. “A festa dos pães ázimos guardarás; sete dias comerás pães ázimos, como te tenho ordenado, ao tempo apontado no mês de Abibe; porque nele saíste do Egito; e ninguém apareça vazio perante mim“, Êxodo 23:15.

Esta festa ou dias solenes duram sete dias, “A festa dos pães ázimos guardarás; sete dias comerás pães ázimos, como te tenho ordenado, ao tempo apontado do mês de Abibe; porque no mês de Abibe saíste do Egito”, Êxodo 34:18.

Note a seriedade de Deus quando ele disse que aquele que não respeitar Sua festa, tal pessoa seria tirada da congregation de Israel, “Por sete dias não se ache nenhum fermento nas vossas casas; porque qualquer que comer pão levedado, aquela alma será cortada da congregação de Israel, assim o estrangeiro como o natural da terra”, Êxodo 12:19.

No primeiro dia e no último dia desta festa, temos que nos apresentar perante Deus em santas convocações. Estas convocaçõesComidanaPáscoa podem ser estudos bíblicos onde teremos de ser lembrados que foi nesta festa que Deus tirou os israelitas do Egito, “No primeiro dia tereis santa convocação; nenhum trabalho servil fareis… ao sétimo dia haverá santa convocação; nenhum trabalho servil fareis”, Levítico 23:7,8.

Hoje, ao pôr-do-sol, termina os sete dias solenes de Pães Asmos.

Deixe um comentário

Mês 13, Adar, adicionado ao Calendário Divino nesse ano de 2016

O calendário de Deus, o início do ano no calendário divino, começa com o abibe e a lua nova. Nesta ano do calendário gregoriano de 2016, o ano divino ainda não começou. Porque na lua nova a duas semanas atrás, a cevada ainda não estava pronta para ser colhida. Então um novo mês, Adar, foi adicionado para dar tempo para a cevada amadurecer, estado de Abibe.

barleyDeus criou o calendário dessa forma. A cada ano temos que observar a cevada em Jerusalém para ver se a cevada está em estado de abibe. A cevada tem que está madura para ser colhida. Temos escrituras que mostram como a cevada deva estar antes de ser colhida…

“E o linho e a cevada foram feridos, porque a cevada já estava na espiga, e o linho na haste.
Mas o trigo e o centeio não foram feridos, porque estavam cobertos”, Êxodo 9:31,32.

Então a pessoa tem que ir na lavoura e ver se a cevada está madura para ser colhida. A colheita da cevada em Jerusalém só acontece um vez por ano. E, acontece entre os meses de Março\Abril.

Cevada madura e a lua nova é a indicação do começo do ano divino – Abibe

Quando a cevada for verificada e que está pronta para colhida, observamos quando a próxima lua nova acontece. E quando a lua nova acontece e a cevada está pronta para ser colhida, esse é o mês de Abibe. Deus falou que isso seria o início do ano para nós…

“Hoje, no mês de Abibe, vós saís”. Êxodo 13:4.

“Guarda o mês de Acolheita de trigobibe, e celebra a páscoa ao SENHOR teu Deus; porque no mês de Abibe o SENHOR teu Deus te tirou do Egito, de noite”,  Deuteronômio 16:1.

“A festa dos pães ázimos guardarás; sete dias comerás pães ázimos, como te tenho ordenado, ao tempo apontado no mês de Abibe; porque nele saíste do Egito…”, Êxodo 23:15.

A festa dos pães ázimos guardarás; sete dias comerás pães ázimos, como te tenho ordenado, ao tempo apontado do mês de Abibe; porque no mês de Abibe saíste do Egito”, Êxodo 34:18.

Os israelitas, sem a menor sombra de dúvida, como vemos nas escrituras, sairam do Egito no mês de Abibe

Mas porque a cevada tem que estar madura?

oferta de movimentoMuito simples, Deus falou que logo na Festa dos Pães Asmos, na semana da Páscoa, os primeiros frutos da cevada, quando for colhida no campo, ela tem que ser trazida ao sacerdote para que ela seja movida (Oferta de Movimento) perante Deus. Isso é um mandamento e deve ser comprido. É claro, que quando Yeshua (Jesus) morreu, ele foi a oferta dada ao Pai, no dia após o Sábado, na Festa de Pães Asmos, como fala as escrituras. Observe:


“Fala aos filhos de Israel, e dize-lhes: Quando houverdes entrado na terra, que vos hei de dar, e fizerdes a sua colheita, então trareis um molho das primícias da vossa sega ao sacerdote; E ele moverá o molho perante o SENHOR, para que sejais aceitos; no dia seguinte ao sábado o sacerdote o moverá”, Levítico 23:10-11.
A cevada tem que ser movida à Deus, no dia após o Sábado, depois que ela for colhida priest wave barley– é um mandamento. Se os primeiros frutos da ceveda não for oferecida a Deus, ninguém pode colher e comer daquela safra.

*1. O mês de Abibe é o mesmo de Nisã (Nissan)?

Comentário: Sim é. Abibe vem do hebreu enquanto Nisã vem do babilônia. Eles significam a mesma coisa. O mesmo mês.

O que é Adar I e II

O ano divino, assim como o calendário pagão que seguimos que foi criado pelo papa Gregorio, tem também 12 meses. Quando acaba o mês 12, na lua nova do seguinte mês, o ano novo não pode ser declarado. Então em vez de ser ano 1, começo no ano novo, continuamos e vamos para o mês 13. A cevada tem que estar pronta para o ano ano ser declarado.

De 4 em 4 anos aproximadamente, o início de ano não pode ser declarado no calendário divino porque a cevada não está pronta para ser colhida. Isso aconteceu nesse ano do calendário pagão de 2016.

Essa decisão e feita no mês 13 do ano. Quando o mês 12 passa e a lua nova do mês 13 acontece, se a cevada não está madura, adicionamos mais um mês. Chamamos isso de Adar.

Deixe um comentário

Calendários Humanos x Calendário de Deus, parte 2 e final

Sim, Deus tem um calendário

Como vimos, Deus tem um calendário, ou seja, Deus criou um calendário para nós aqui na terra. Tempo e espaço que somente agora os cientistas estão começando a entender, foi Deus que criou. Osolelua2 mundo espiritual não estão sujeitos a tempo e espaço. Para nós humanos entender alguma coisa sobre a vida contínua de Deus, na bíblia vemos que Deus é chamado de ancião de dias, “Eu continuei olhando, até que foram postos uns tronos, e um ancião de dias se assentou; a sua veste era branca como a neve, e o cabelo da sua cabeça como a pura lã; e seu trono era de chamas de fogo, e as suas rodas de fogo ardente”, Daniel 7:9.

Em outras passagens, vemos escrito simplesmente que Deus vive e sempre viveu, “Antes que os montes nascessem, ou que tu formasses a terra e o mundo, mesmo de eternidade a eternidade, tu és Deus”, Salmos 90:2.

Deus ordena de quando calendário deve começar

cevada6O nosso Deus quando nos dá instruções, Ele é bem claro. E aqui também, Ele ensinou os Israelitas de quando o ano começaria. Note nesta passagem, “Este mesmo mês vos será o princípio dos meses; este vos será o primeiro dos meses do ano”, Êxodo 12:2.

Claramente vemos que Deus especificamente explica quando o ano deve começar, “Falai a toda a congregação de Israel, dizendo: Aos dez deste mês tome cada um para si um cordeiro, segundo as casas dos pais, um cordeiro para cada família”, Êxodo 12:3. 

Se continuar lendo, verá que logo depois da Páscoa, haverá sete dias de celebração de pães ázimos – a Festa dos Pães Asmos.

Sem dúvida o ano começa no mesmo mês que a Páscoa e a Festa dos Pães Asmos devem ser celebrados. Por favor leis mais sobre as Festas Santas em outros Estudos Bíblicos principalmente nos estudos 10 à 18.

Mas, o que mais Deus nos ordena de quando o Ano Divino começa?

Deus tem nos dado especifica instruções que no domingo da Festa de Pães Asmos, o sacerdote deva levantar a cevada ao Senhor. Isso somente acontecerá um vez por ano, na Festa dos Pães Asmos. É através das Festas Santas de Deus que obtemos uma visão bem clara de como devemos observar os meses e o ano. Observe este mandamento de Deus e a relação entre Suas festas santas e de como devemos observar o calendário divino:

“No mês primeiro [primeiro dia do começo do ano divino], aos catorze do mês [14 dias depois do início do ano divino], pela tarde, é a páscoa do Senhor. E aos quinze dias deste mês é a festa dos pães ázimos do Senhor [e no 15 dia, começa a Festa de Pães Asmos do Senhor]; sete dias comereis pães ázimos… Quando houverdes entrado na terra, que vos hei de dar, e fizerdes a sua colheita, então trareis um molho das primícias [as primeiras colheita da cevada do campo] da vossa sega ao sacerdote; E ele moverá o molho perante o Senhor, para que sejais aceitos; no dia seguinte ao sábado [ou seja, no domingo] o sacerdote o moverá”, Levítico 23:5-11.

Com toda claridade, quando a cevada chegar ao ponto de colheita, antes dos Israelitas a colherem para eles, a primeira amostra tinha de vir para o sacerdote e esse balançaria ao alto dando graças a Deus no dia seguinte do sábado, no domingo. Depois disso os israelitas poderiam colher a cevada.cevada8

*1. Como podemos saber que Deus estava falando da cevada e não de outra lavoura?

Comentário: Note que quando os Israelitas estavam saindo do Egito, eles sairão depois da Páscoa, no Dia dos Pães Asmos. A colheita da cevada estava preparada, “E o linho e a cevada foram feridos, porque a cevada já estava na espiga, e o linho na haste”, Êxodo 9:31. Esta era a situação da cevada quando eles sairão do Egito.

O início do Mês começa na lua nova (Rosh Codesh)

Já temos lido que para o ano começar, a cevada tem que estar preparada para ser colhida. E que antes de ser colhida pelo povo, uma amostra tem que ser trazida para o sacerdote para ele “mover” perante Deus no dia seguinte do Sábado. A colheita da cevada só acontece em Jerusalem em Março ou Abril.

New MoonÉ em Março ou Abril que o tempo esta favorável para a colheita da cevada. Mas, um pergunta falta, quando começa o primeiro dia do mês do ano?

Todo mês no calendário divino começa na lua nova. A lua nova acontece depois que os primeiros raios do sol e visto por duas ou mais testemunhas. Quando duas ou mais testemunhas conseguem ver os primeiros raios do sol na lua, então começa o início do mês. Observe este artigo sobre Rosh Codesh.

Resumo

Vemos pelos mandamentos de Deus que o calendário divino é uma combinação entre a colheita da cevada como também da lua nova. O início do calendário divino sempre acontece na primavera em Jerusalém, onde o tempo é favorecida para a colheita da cevada.

Lua Nova: a lua nova porque indica o primeiro dia de qualquer mês.

Cevada: a cevada, que acontece somente um vês por ano em Jerusalém, tem que estar preparada para ser colhida porque ela tem que ser movida no domingo – no dia seguido do Sábado – na Festa de Pães Asmos.

Deixe um comentário

Lua nova e Sexto Sábado para Pentecostes

Hoje é lua nova. Celebremos a lua nova com Trombeta

New Moon

Contareis sete Sábado para a Festa de Pentecostes ou Festa das Semanas. Hoje é também o sexto Sábado que estamos contando depois da Oferta de Movimento que foi o domingo, depois do Sábado da Festa de Pães Asmos (leia estudos e blogs neste site para mais informações sobre estes dias santos e importantes para Deus).

Deus explica que a lua nova e Suas Festas devem ser celebras, “E isto segundo a ordem de cada dia, fazendo ofertas conforme o mandamento de Moisés, nos sábados e nas luas novas, e nas solenidades, três vezes no ano; na festa dos pães ázimos [Festa dos Pães Asmos], na festa das semanas [Festa de Pentecostes], e na festa das tendas [Festa de Tabernáculos]“, 2 Crônicas 8:13.

“Fala aos filhos de Israel, e dize-lhes: As solenidades do SENHOR, que convocareis, serão santas convocações; estas são as minhas solenidades … Estas são as solenidades do SENHOR, as santas convocações, que convocareis ao seu tempo determinado”, Levítico 23: 2, 4.

Deixe um comentário

“Contarei cinquenta dias”

Como temos vista, a Festa de Pães Asmos tem um significa enorme para os Primeiros-Frutos. Esses Primeiros-Frutos são aqueles que estão sendo chamados agora por Deus para seguir um novo caminho, o caminho de vida de Deus obedecendo TUDO que Deus nos fala. Com o termino da Festa, Deus nos comanda a contar semanas ou dias para o início de outra Festa Santa, a Festa de Pentecoste.

Depois para vós contareis desde o dia seguinte ao sábado, desde o dia em que trouxerdes o molho da oferta movida; sete semanas inteiras serão. Até ao dia seguinte ao sétimo sábado, contareis cinqüenta dias; então oferecereis nova oferta de alimentos ao SENHOR”, Levítico 23:15-16.

O dia seguinte do Sábado é o Domingo. Neste domingo somos instruídos a contar 50 dias ou sete semana para a próxima Festa santa.

Esta nova Festa Santa, consequentemente vai sempre cair num domingo. Pois sete semanas inteiras começando do domingo vai cair novamente em um outro domingo.

Nesta Festa de Pentecostes no passado foi quando as leis de Deus foi dada ao povo no monte Sinai. nesta Festa também foi quando o Espírito Santo foi derramando nas pessoas em Jerusalém, “E, cumprindo-se o dia de Pentecostes, estavam todos concordemente no mesmo lugar; E de repente veio do céu um som, como de um vento veemente e impetuoso, e encheu toda a casa em que estavam assentados. E foram vistas por eles línguas repartidas, como que de fogo, as quais pousaram sobre cada um deles”, Atos 2:1-3. 

Neste momento, Jesus tinha recebido autorização do Pai e abriu o Espírito Santo para os seres humanos. Anteriormente, o Espírito Santo foi dado a pouquissíma pessoas como Abel, Noé, Abrahão, etc. Mas, agora, o Espírito Santo está disponível a todos que se arrependem e são batizados e aceitam Jesus em suas vidas e mudam suas maneiras de viver. Falar em linguas foi somente um milagre que aconteceu naquele momente. Isso não acontece mais. Eles falando em linguas foi somente um simbolismo do poder do Espírito Santo e mostrou também um significado que o Espírito Santo foi dado ao ser humano. Mas, não a todos nesse momento.

O Espírito Santo não está sendo dado a todo ser humano nesse momento. Somente aos que respondem a chamada de Deus. Mas, no futuro, ele será dado a todos na terra, “Pedro, porém, pondo-se em pé com os onze, levantou a sua voz, e disse-lhes: Homens judeus, e todos os que habitais em Jerusalém, seja-vos isto notório, e escutai as minhas palavras.
Estes homens não estão embriagados, como vós pensais, sendo a terceira hora do dia.
Mas isto é o que foi dito pelo profeta Joel:
E nos últimos dias acontecerá, diz Deus, Que do meu Espírito derramarei sobre toda a carne; E os vossos filhos e as vossas filhas profetizarão, Os vossos jovens terão visões, E os vossos velhos terão sonhos; E também do meu Espírito derramarei sobre os meus servos e as minhas servas naqueles dias, e profetizarão; E farei aparecer prodígios em cima, no céu; E sinais em baixo na terra, Sangue, fogo e vapor de fumo. O sol se converterá em trevas, E a lua em sangue, Antes de chegar o grande e glorioso dia do Senhor; E acontecerá que todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo”, Atos 2:14-21.

Tudo isso não aconteceu no ano 30 a.C.

Este Dia Santo de Pentecostes ainda está no futuro bem perto.

Deixe um comentário

O Sétimo Dia da Festa de Pães Asmos

Hoje estamos no Sétimo Dia da Festa de Pães Asmos. Sete dias observamos a festa e agora estamos no final da Festa. Este Dia como também o Primeiro Dia da festa são santo perante o Senhor onde trabalho nenhum deve ser feito e devemos também ter serviços. Neste dia, os Israelitas já tinham atravessado o mar, o mar já fechou e matou todo o exército de Faraó; eles se encontravam do outro lado tranquilos no sétimo dia que saíram do Egito.

“E aos quinze dias deste mês é a festa dos pães ázimos do SENHOR; sete dias comereis pães ázimos. No primeiro dia tereis santa convocação; nenhum trabalho servil fareis; Mas sete dias oferecereis oferta queimada ao SENHOR; ao sétimo dia haverá santa convocação; nenhum trabalho servil fareis”, Levítico 23:6-8.

Os Primeiros 7 mil anos e a Colheita dos Primeiros-Frutos

A Festa dos Pães Asmos acontece na Colheita da Primavera representando os Primeiros-Frutos. Por sete mil anos, Deus tem chamado pessoas para segui-Lo. Esses Chamados são conhecidos como Ekklesia.

Durante os sete mil anos, muito poucos tem respondido a Chamada de Deus. Mas, Deus continua a chamar e treinar àqueles que estão respondendo a Chamada.

O Casamento do Cordeiro, Jesus Casa com Sua Esposa Igreja, Ekkesia

Neste Dia, Jesus vem a terra onde colherá os Primeiros-Frutos e os levarão para o Seu Pai no Céu. Todos aqueles que tem obedecido e amado aos mandamentos de Deus serão chamados para participar desse evento onde Cristo receberá sua noiva (os chamados) e os levarão para a presença do Pai. Qual é o Pai que não quer ver Seus filhos reunidos com Ele.

“E, depois destas coisas ouvi no céu como que uma grande voz de uma grande multidão, que dizia: Aleluia! Salvação, e glória, e honra, e poder pertencem ao Senhor nosso Deus; “, Apocalipse 19:1.

Regozijemo-nos, e alegremo-nos, e demos-lhe glória; porque vindas são as bodas do Cordeiro, e já a sua esposa [Ekkesia] se aprontou”, Apocalipse 19:7.

“E disse-me: Escreve: Bem-aventurados aqueles que são chamados à ceia das bodas do Cordeiro. E disse-me: Estas são as verdadeiras palavras de Deus”, Apocalipse 19:9.

Jesus Volta para a Terra com Seus Primeiro-Frutos

Apocalipse explica mais sobre esse tempo onde os Primeiro-Frutos estarão no céu, “E vi um como mar de vidro misturado com fogo; e também os que saíram vitoriosos da besta, e da sua imagem, e do seu sinal, e do número do seu nome, que estavam junto ao mar de vidro, e tinham as harpas de Deus. E cantavam o cântico de Moisés, servo de Deus, e o cântico do Cordeiro, dizendo: Grandes e maravilhosas são as tuas obras, Senhor Deus Todo-Poderoso! Justos e verdadeiros são os teus caminhos, ó Rei dos santos. Quem te não temerá, ó Senhor, e não magnificará o teu nome? Porque só tu és santo; por isso todas as nações virão, e se prostrarão diante de ti, porque os teus juízos são manifestos”, Apocalipse 15:2-4 .

Depois de um período de tempo onde os Primeiros-Frutos são apresentados ao Pai e a cerimonia acontece, e depois de ter passado um tempo com o Pai, eles voltam para a terra para implantar o Reino de Deus. a vinda de Cristo com Seus santos será incrível…

E destes profetizou também Enoque, o sétimo depois de Adão, dizendo: Eis que é vindo o Senhor com milhares de seus santos”, Judas 1:14.

O Que Acontece Enquanto os Primeiros-Frutos Estão no Céu?

“Enquanto os Primeiros-Frutos estão no céu, as últimas pragas são derramadas na terra, “E os sete anjos que tinham as sete pragas saíram do templo, vestidos de linho puro e resplandecente, e cingidos com cintos de ouro pelos peitos”, Apocalipse 15:6.

As últimas pragas são jogadas na terra enquanto a Ekkesia está no céu com Jesus e nosso Pai.

Quanto Tempo Durará Esse Tempo?

Na profecia de Daniel,  dos 1.290 e 1.335  Dias, que subtraindo será 45 dias, Jesus e Seus Primeiros-Frutos ficarão 45 dias com o Pai enquantos as últimas 7 pragas são derramadas na terra. Esse é o tempo de tribulação para os que estão na terra.

No final de 1.290 dias, Jesus levará os Chamados ao céu, no Mar de Vidro e lá ficarão 45 dias. Estude mais sobre essas profecias de Daniel neste site.

Um Tempo de Muito Alegria dos Chamados, os Primeiros-Frutos

Hoje representa um dia de muito alegria aos Chamados, Jesus e ao Pai. Pela primeira vez no plano de Deus, os Chamados serão levados literalmente ao Céu e conheceram o Pai. Haverá grande alegria no céu. Mas, esse é só o começo. Eles voltarão com Jesus na terra e a governarão, Cristo e os Primeiros-Frutos.

Bem-aventurado e santo aquele que tem parte na primeira ressurreição; sobre estes não tem poder a segunda morte; mas serão sacerdotes de Deus e de Cristo, e reinarão com ele mil anos”, Apocalipse 20:6.

Deixe um comentário

Festa de Trombetas e a Ressureição

Apoc 10:7, “Mas nos dias da voz do sétimo anjo, quando tocar a sua trombeta, se cumprirá o segredo de Deus, como anunciou aos profetas, seus servos”.

1 Cor 15:52, “Num momento, num abrir e fechar de olhos, ante a última trombeta; porque a trombeta soará, e os mortos ressuscitarão incorruptíveis, e nós seremos transformados”.

Note com cuidado quando a sétima trombeta TOCAR, a ressureição ocorrerá. Isto é porque a sétima trombeta também contém as sete pragas da raiva de Deus que será colocado nos rebeldes. Em Apoc 15, vemos os santos perante o trono de Deus no que ao mesmo tempo as sete pragas esta sendo colocadas na terra.

Depois de ter colocado as sete pragas, vemos que os santos estavam no céu no Casamento do Cordeiro.

Apoc 19:1, “E, depois destas coisas ouvi no céu como que uma grande voz de uma grande multidão, que dizia: Aleluia! Salvação, e glória, e honra, e poder pertencem ao Senhor nosso Deus”.

Apoc 19:7, “Regozijemo-nos, e alegremo-nos, e demos-lhe glória; porque vindas são as bodas do Cordeiro, e já a sua esposa se aprontou”.

O Casamento do Cordeiro acontecerá na ressureição dos santos e depois haverá o Casamento durará por alguns dias enquanto as sete pragas estão sendo jogadas na terra, depois achamos Cristo e Seu exercito de anjos E santos retornando a terra para destruir a besta e o profeta falso e estabelecer o Reino.

Apoc 19:11, “E vi o céu aberto, e eis um cavalo branco; e o que estava assentado sobre ele chama-se Fiel e Verdadeiro; e julga e peleja com justiça”.

12, “E os seus olhos eram como chama de fogo; e sobre a sua cabeça havia muitos diademas; e tinha um nome escrito, que ninguém sabia senão ele mesmo”.

14, “E seguiam-no os exércitos no céu em cavalos brancos, e vestidos de linho fino, branco e puro”.

16, “E no manto e na sua coxa tem escrito este nome: Rei dos reis, e Senhor dos senhores”.

Leia o resto de Apoc 19; não há absolutamente nenhuma dúvida que as trombetas estão se referindo a ressureição dos Primeiros-Frutos; a colheita inicial da primavera!

Amigos, a colheita da primavera é feita na primavera! Se você aparecer em alguma fazenda no outono e perguntar se a colheita da primavera foi feita, todas irão rir de você.

Mas, há alguma diferença com Deus? Ele está mostrando as colheitas das estações da Palestina para nos ensinar que há uma primavera e mais tarde a colheita maior no outono! Há duas colheitas: uma na primavera e a outra no outono. Mesmo assim desde tempo de Daniel, ninguém entendeu essas escrituras, pois estavam seladas por Deus, em Daniel 12.

Este é um ponto que diferencia a colheita da primavera e do outono.

A Festa de Trombetas acontece no Outono: então elas não se referiram a colheita da primavera. Há uma diferença em tempo entre as ressurreições. A diferença está preenchida pelas sete pragas e o Casamento do Cordeiro! Isto está refletido em 1.290 dias e os 1.335 dias em Daniel 12. As sete pragas e o Casamento do Cordeiro são 45 dias de diferença!

Muitas pessoas estão estudando isso com uma mente aberta ao espírito de Deus e as coisas de Deus e estão alegrando-se na descoberta desse aumento em entendimento.

Este entendimento pode ser dado somente pelo Espírito de Deus. Se mexermos esse Espírito diligentemente estudando as aplicações dos mandamentos de Deus em nossas vidas, esses entendimentos serão dados a nós. Talvez não tudo de uma só vez, mas definitivamente depois de um período de tempo em oração, estudo, e reflexão.

Se apagarmos esse espírito porque procuramos desculpas para relaxarmos nos mandamentos de Deus, comprando em restaurante nos Sábados e Dias Santos ou rejeitando o calendário Bíblico e Lua Nova, por que Deus deve preocupar com você em lhe dar conhecimentos profundos já que não observa nem mesmo esses entendimentos simples?

Estamos tão aprofundados nos ensinamentos dado a nós por várias décadas que é muito difícil desapegar do ensinamentos do passado. Ore a Deus e peça ajuda e entendimento e forças para mudar.

Deixe um comentário