Pra Nilda, “Nós somos treinados para conviver com pessoas diferenciadas para aprender a amar”

  1. Deixe um comentário

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: